Esportes

Rio de Janeiro sediará Jogo das Estrelas após restrições em São Paulo

Paralisação de esportes coletivos no estado altera cronograma do NBB.

A Liga Nacional de Basquete (LNB) alterou o cronograma de 13 partidas do Novo Basquete Brasil (NBB) que estavam agendadas para a cidade de São Paulo entre as próximas segunda-feira (15) e quinta-feira (18). A entidade também transferiu a sede da edição 2021 do Jogo das Estrelas, que seria no ginásio Henrique Villaboim, na capital paulista, para o ginásio do Maracanãzinho, na cidade do Rio de Janeiro. O evento está marcado para sexta-feira (19) e sábado (20) da próxima semana.

As decisões foram divulgadas nesta sexta-feira (12) após reunião do Conselho de Administração da LNB. Ontem (11), o Governo de São Paulo anunciou a suspensão completa de atividades esportivas coletivas no território paulista por 15 dias, a partir de segunda, para conter a disseminação do novo coronavírus (covid-19), em meio à alta de casos e de internações. Segundo dados do Centro de Contingência do Coronavírus, a taxa de ocupação das unidades de terapia intensiva (UTIs) no estado está em 87,6%, com uma média de 150 novas admissões por dia.

Conforme a liga, que se manifestou por nota, o jogo entre Brasília e Sesi Franca, que seria disputado na segunda, foi antecipado para domingo (14), no ginásio do Morumbi, em São Paulo. Outras cinco partidas, que envolvem times que terão compromissos daqui a duas semanas pela Champions League das Américas (equivalente à Libertadores no basquete), tiveram as datas mantidas, mas foram transferidas do Morumbi para o Rio (confira abaixo). Os horários e locais ainda serão confirmados. Os demais sete duelos foram adiados e serão realocados entre o fim de março e o início de abril.

“As mudanças não alteram o final da fase regular da temporada 2020/2021, que se encerra no dia 6 de abril”, afirma a nota da LNB.

O Jogo das Estrelas, por sua vez, está de volta ao Maracanãzinho após 12 anos. O evento será realizado em parceria com a Associação dos Atletas Profissionais de Basquete (AAPB), com uma ação social, envolvendo jogadores e clubes, em prol de vítimas da covid-19. A edição 2021 terá os torneios individuais de habilidades, cestas de três pontos e enterradas, e quatro “mini-jogos”, com dez minutos cada, em formato mata-mata (semifinais, disputa de terceiro lugar e final), envolvendo quatro equipes: Time Shamell (estrangeiros do NBB), Time Georginho (revelações da temporada), Time Brabo e Time Marquinhos (ambos com outros destaques brasileiros da competição).

Basquete feminino

Na próxima terça-feira (16) , também por conta das restrições em São Paulo, não será realizada na a partida entre BAX Catanduva e Sampaio Corrêa da Liga de Basquete Feminino (LBF). O jogo, válido pela segunda rodada da competição, inicialmente estava programado para ocorrer no ginásio Anuar Pachá, em Catanduva (SP). Em nota, a entidade informou que uma reunião entre a liga e os clubes participantes será realizada na segunda-feira “para análise do cenário e deliberação das próximas partidas”. Dos oito times que participam do torneio nacional, cinco são paulistas.

Jogos transferidos para o Rio de Janeiro

15/03 (segunda-feira): Unifacisa x São Paulo

16/03 (terça-feira): Mogi das Cruzes x Flamengo

16/03 (terça-feira): Minas Tênis Clube x Corinthians

17/03 (quarta-feira): Sesi Franca x Unifacisa

18/03 (quinta-feira): Flamengo x Corinthians

Foto: Washington Alves/COB
Fonte: Agência Brasil

Assine Prêmio: 
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo