Esportes

Brasil garante mais uma vaga olímpica na canoagem velocidade

País disputará prova do K1 masculino 1000m. Delegação nacional soma agora 209 vagas em Tóquio, em 23 modalidades. Mais de 93% dos confirmados são integrantes do Bolsa Atleta.

O Brasil assegurou nesta sexta-feira (30.04) mais uma vaga na canoagem velocidade, na prova K1 masculino 1000 metros, que ocorre no caiaque individual.

Ao todo o país tem 209 vagas confirmadas em 23 modalidades para os Jogos Tóquio 2020. Dessas vagas, 64 já têm nome e sobrenome definidos. As demais dependem de convocações ou confirmações das confederações. Desse grupo de 64 com o passaporte já carimbado, 60 (93%) são integrantes do Bolsa Atleta, programa da Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania.

De acordo com a Confederação Brasileira de Canoagem (CBCa), ainda não está definido que atleta representará o Brasil na prova prova K1 masculino 1000m: o nome será revelado após uma reunião do Comitê de Canoagem de Velocidade.

A CBCa e o Comitê Olímpico Brasileiro (COB) receberam a notícia sobre a nova vaga por meio de um e-mail enviado pelo Federação Internacional da modalidade. A CBCa esperava obter outra vaga (C1 Feminino 200m), o que não ocorreu. A entidade afirmou que buscará informações sobre os critérios adotados na escolha junto à ICF e à Confederação Pan-Americana de Canoagem.

As provas da canoagem slalom na Olimpíada de Tóquio ocorrerão entre os dias 25 a 30 de julho. Já as disputas de canoagem velocidade serão entre 2 a 07 de agosto.

Fonte: Rede do Esporte


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo