Esportes

“Não podemos nos dar ao luxo de outro fim de semana como o de Mônaco”, diz Hamilton

Compartilhar

Lewis Hamilton avisou que nem ele nem a Mercedes podem se dar ao luxo de mais um fim de semana como o Grande Prêmio de Mônaco, já que a batalha pelo título entre ele e Max Verstappen é tão difícil nesta temporada.

Os primeiros quatro Grandes Prémios do ano viram batalhas entre Hamilton e Verstappen e o primeiro emergiu 14 pontos à frente na classificação dos pilotos. No entanto, depois de Hamilton terminar em sétimo em Mônaco, frustrado com a estratégia da Mercedes, Verstappen virou a mesa e agora lidera a classificação dos pilotos por quatro pontos.

“Há um longo, longo caminho a percorrer”, disse Hamilton após o Grande Prêmio de Mônaco. “Não podemos permitir outro fim-de-semana como este, mas estou grato por ter terminado e conseguido alguns pontos, a volta mais rápida; cada ponto que você ganha em um fim de semana ruim como este pode contar para algo no final”.

E, como Damon Hill sugeriu no último podcast da F1 Nation, parece que Hamilton não gostou nada do GP de Mônaco, já que ele admitiu que “provavelmente não assistirá novamente”.

“Estou feliz que a corrida acabou, pois foi a corrida mais longa, foi muito longa,” continuou Hamilton. “Já disse várias vezes: [não] [importa] em que posição você está, esta pista não é divertida de correr, não pode ultrapassar. Claro, é uma ótima vitória, mas mesmo quando você está vencendo e muito à frente também é chato”.

“Tenho certeza de que para Max foi uma tarde bem gelada para ele. Para mim, vou desligar. O fim de semana acabou – provavelmente não voltarei a assistir a esta corrida, posso assistir aos destaques para entender onde perdi potencialmente três lugares, por exemplo, caso contrário, colocarei meu foco em outra coisa. Felizmente, eu tenho muitas outras coisas que faço, então tentarei me voltar para outra coisa”.

Hamilton participou de algumas batalhas pelo campeonato extremamente acirradas: perdendo por um ponto para Kimi Raikkonen em sua temporada de estreia em 2007; ganhando por um ponto para seu primeiro triunfo em 2008; e perdendo por cinco pontos em 2016. Portanto, sua resposta, quando lhe perguntaram se 2021 é a batalha pelo título mais próxima que ele enfrentou, talvez fosse de se esperar.

81231094
Hamilton venceu o campeonato de 2008 por um único ponto sobre Felipe Massa após um dramático final de temporada no Brasil

“Não”, respondeu ele, “corro desde os oito anos. Cada um é diferente a seu modo, mas não acho que seja pior ou melhor. Vai ser difícil. Eu disse a você no início que eles [a Red Bull] tem um carro vencedor do campeonato e serão muito difíceis de derrotar”.

“Tenho levado isso a sério o ano todo, essas corridas, e vencemos corridas que não deveríamos ter vencido, como no Bahrein, mas não acabou”, concluiu.

A rodada 6 de 23 começa no fim de semana de 6 de junho em Baku, Azerbaijão , um local que já recebeu mais do que o seu quinhão de corridas dramáticas no passado.

Fonte: Fórmula 1


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo