News

Atividade industrial segue elevada, diz CNI

Horas trabalhadas na produção aumentaram 0,7% em abril.

A atividade industrial continua elevada no Brasil, segundo dados dos Indicadores Industriais divulgados nesta sexta-feira (11) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Ao comentar o indicador, o gerente de Análise Econômica da CNI, Marcelo Azevedo, lembrou que o emprego continua aumentando. “São nove meses de alta no emprego industrial no Brasil. A massa salarial e o rendimento médio para os trabalhadores também aumentaram na passagem de março para abril de 2021”. Segundo ele, “apenas o faturamento mostrou queda na comparação do período da pesquisa, mas isso já oscila há alguns meses”.

Marcelo Azevedo avalia que a atividade industrial persistentemente alta reflete a busca pela recomposição de estoques. “Todo esse movimento, com utilização da capacidade instalada elevada e crescimento constante no emprego, é resultado do rápido crescimento do segundo semestre do ano passado e da resiliência na indústria nos primeiros meses do ano”.

Segundo a CNI, os Indicadores Industriais mostram que, no auge da segunda onda da covid-19, na virada de março para abril, a indústria reagiu de forma positiva. As horas trabalhadas na produção cresceram 0,7% em abril, após alta de 1,1% no mês anterior.

Segundo a entidade empresarial, a utilização da capacidade instalada continuou elevada, mantendo-se acima de 80% pelo segundo mês consecutivo. Em abril, ficou em 82,3% (dado dessazonalizado). Mas, apesar da melhora na atividade, o faturamento real da indústria de transformação recuou 1,3% no período.

As horas trabalhadas na produção aumentaram 0,7% em abril de 2021, após alta de 1,1% em março. Na comparação com abril de 2020, as horas aumentam 35,1%. De acordo com a CNI, naquele mês a atividade industrial se reduziu significantemente por conta da pandemia.

O rendimento médio real também cresceu pelo segundo mês consecutivo, ainda que de forma mais moderada (alta de 0,2%). O rendimento médio segue inferior ao registrado em fevereiro de 2020, antes da pandemia.

O emprego cresceu 0,3%, em abril, comparado com o mês anterior. Em relação a abril de 2020, o crescimento chegou a 4,2%.

Fonte: Agência Brasil


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!


O ensino de alta qualidade já está ao alcance de todos e em qualquer lugar. Educação de Ensino em Casa, Jardins de Infância e Escolas, com cursos educacionais pré-escolar, ensino básico, fundamental e médio, clique e comece já!

Print Friendly, PDF & Email

Joabson João

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo