Esportes

Palmeiras marca no fim e vence o Internacional pelo Brasileirão

América-MG supera o Bahia e vence a primeira.

O Palmeiras superou a desvantagem numérica no Beira-Rio e, com um gol nos minutos finais da partida, venceu o Internacional por 2 a 1, na noite desta quarta-feira (30), pela oitava rodada do Brasileirão Assaí. Com o triunfo fora de casa, o Alviverde segue na terceira posição, com 16 pontos somados. Enquanto o Colorado tem nove e aparece na 13ª colocação. 

O jogo

Foi o Palmeiras que buscou o ataque no início do jogo. Aos quatro, Breno Lopes levou perigo em chute cruzado. E, aos nove, Raphael Veiga aproveitou uma sobra na entrada da área, bateu de primeira e Deyverson fez o desvio providencial para abrir o placar no Beira-Rio. Tentando uma resposta rápida, o Inter assustou em cabeçada de Caio Vidal.

Mas o Verdão manteve o controle das ações durante a primeira metade da etapa inicial. A partir daí, o time da casa apareceu mais no setor ofensivo, mas esbarrou na falta de criatividade. Yuri Alberto, aos 24, e Edenílson, aos 34, até tentaram, mas pararam no goleiro Jailson.

Depois do intervalo, o jogo reiniciou em ritmo acelerado. Yuri Alberto quase marcou para o Inter, aos dez. Enquanto Kuscevic e Raphael Veiga tiveram chances para o Verdão. Já aos 15, com o auxílio do VAR a arbitragem assinalou pênalti para o time da casa e mostrou o cartão vermelho para Kuscevic. Com a bola na marca da cal, Edenlíson fez a cobrança de manual para deixar tudo igual em Porto Alegre.

Nos minutos seguintes, o jogo esfriou, mas voltou a esquentar nos instantes finais. Em rápido contra-ataque, Deyverson por pouco não marcou o segundo dele para o Palmeiras. Do lado colorado, Yuri Alberto novamente chegou com perigo e de novo Jailson fez a defesa. Até que, aos 43 minutos, mesmo com um a menos, o Alviverde sacramentou a vitória, após mais um contra-ataque que dessa vez terminou com o desvio certeiro de Danilo: 2 a 1.

Triunfo por 4 a 3 sobre o Tricolor em Salvador tirou o Coelho da zona de rebaixamento da Série A

Bahia e América-MG se enfrentaram pela oitava rodada do Brasileirão AssaíBahia e América-MG se enfrentaram pela oitava rodada do Brasileirão Assaí
Créditos: Estevão Germano / América-MG

Foi em grande estilo a primeira vitória do América-MG no Brasileirão Assaí 2021. Fora de casa, no Estádio de Pituaçu, o Coelho fez partida sólida frente ao Bahia e venceu por 4 a 3, com gols de Felipe Azevedo, Juninho Valoura, Ribamar e Juninho. Rodriguinho e Gilberto (duas vezes) descontaram para o Tricolor. O duelo aconteceu pela oitava rodada da competição.

O resultado faz a equipe mineira sair da zona de rebaixamento, aparecendo agora em em 15º na tabela, com seis pontos. Já a equipe baiana aparece em sexto, com 11.

O jogo

Primeiro tempo animado com três gols em Salvador. Apostando nos contra-ataques, o Coelho abriu dois de vantagem em menos de 20 minutos. O primeiro gol aconteceu aos 14, quando Felipe Azevedo recebeu na entrada da área e chutou no cantinho do goleiro Matheus Teixeira.

Três minutos depois, aos 17, Lucas França cortou mal dentro da área, Juninho Valoura dominou, invadiu a área e bateu forte para fazer o segundo do Coelho. Mais tarde, na marca dos 35, Rodriguinho recebeu na área, limpou a marcação e chutou rasteiro para fazer o primeiro do Tricolor Baiano.  

O Coelho voltou ligado do intervalo. Aos quatro minutos, Rodolfo apareceu cara a cara com Matheus Teixeira, tentou chutar por cima mas mandou para fora. Até que, na marca dos 19, após bola alçada na área do Bahia, Ribamar ficou com a sobra em cima da linha para chutar e fazer o terceiro do América-MG.

O quarto gol não demorou. Aos 27 minutos, Juninho Valoura fez grande jogada, carregou a bola e tocou para Juninho, que entrou livre na área e chutou rasteiro para fazer mais um para o Coelho. O Bahia perdeu uma chance incrível de fazer o segundo gol: aos 34, Thonny Anderson ficou com a sobra na área, sem goleiro, mas chutou em cima do zagueiro americano.

Lá e cá, Juninho recebeu cara a cara com Matheus Teixeira, mas finalizou mal e desperdiçou a chance do quinto gol do Coelho. O Tricolor ainda conseguiu dois gols nos acréscimos. Nino cruzou na área, Gilberto se antecipou à marcação e fez o segundo do Bahia. No lance seguinte, Gilberto recebeu de novo na área e anotou o segundo dele no jogo. 

Fonte: CBF


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo