Esportes

“Sinto que estou ficando cada vez mais forte”, diz Schumacher

Compartilhar

Mick Schumacher triunfou sobre seu companheiro de equipe da Haas, Nikita Mazepin, em oito dos nove Grandes Prêmios até agora nesta temporada, e o alemão diz que a primeira tripla rodada de 2021 lhe deu um valioso tempo no carro em sua temporada de estreia.

Schumacher também superou o russo oito vezes nas primeiras nove corridas, já que ambos enfrentam a vida no auge do automobilismo. Após a rodada tripla, ele ainda conseguiu se qualificar em 15º na França para sua primeira aparição no Q2 e qualificou-se meio segundo à frente do Mazepin na Áustria.

Questionado sobre se poderia tirar alguma coisa positiva de terminar em 19º da última vez, Schumacher disse: “Acho que todos nós crescemos e aprendemos, obviamente, a cada fim de semana de corrida. Para mim, pessoalmente, sinto que estou ficando cada vez mais forte com a equipe e poder passar o tempo com a equipe é muito bom”.

“Estou ansioso por Silverstone”, acrescentou ele, antes do Grande Prêmio da Inglaterra em 18 de julho”.

Com a Haas fora da corrida de desenvolvimento nesta temporada, concentrando-se na nova era da F1 que amanhece em 2022, o piloto # 47 deu a entender que a equipe ainda está procurando soluções para enfrentar seu ritmo retardatário.

“Quero dizer, obviamente não foi fácil, mas ainda assim, temos que estar na luta no início da corrida”, disse ele, olhando para o GP da Áustria.

“Tive um bom começo e sim, quero dizer, temos que pegar o que conseguimos e isso é positivo. Mas, mesmo assim, vamos analisar tudo e encontrar alguns décimos aqui e ali para poder estar mais perto do [resto]”.

1326791922
Schumacher terminou em 16º no GP da Estíria, seu melhor resultado desde o P13 em Baku

O chefe da equipe, Guenther Steiner, ecoou os comentários de seu piloto e enfatizou na Áustria que seus dois novatos ainda estão aprendendo as cordas.

“É o fim da nossa primeira rodada tripla este ano – então, acho que todos estão prontos para ir para casa e fazer uma pequena pausa antes de nos prepararmos para a próxima corrida”, disse Steiner.

“Tivemos um bom desempenho como equipe ao longo desta série de corridas e, obviamente, temos mais algumas rodadas triplas nesta temporada. Estaremos bem preparados, mas é cansativo depois que você entra neles”.

“Na corrida de hoje tivemos o resultado que esperávamos. Ambos os caras tiveram um desempenho sólido, simplesmente não há muito mais para nós no momento. O aprendizado é contínuo e os direcionadores estão cada vez melhores”, concluiu Steiner.

Fonte: Fórmula 1


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »