News

Com apoio da Defesa Civil Estadual e Naturatins, militares do Exército Brasileiro fazem treinamento de combate à incêndio, em Palmas

Cerca de 160 homens do 22º Batalhão de Infantaria estiveram na simulação organizada no Morro do Limpão, na Capital.

O Morro do Limpão, nas imediações da Serra do Lajeado, zona rural de Palmas, foi o local de treinamento dos militares do Exército Brasileiro, nesta quarta e quinta-feira, 7 e 8. Tratou-se de uma simulação com acompanhamento e orientação da Defesa Civil Estadual e Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins).

Nos dois dias, cerca de 160 militares puderam, na prática, combater uma queimada controlada naquela área e, assim, treinar o correto uso de equipamentos como abafador, soprador, bomba costal e as técnicas para conter o avanço das chamas e extingui-la totalmente.

Bombeiros militares com um caminhão Auto-Bomba Tanque Florestal (ABTF), específico para combate a incêndio, participaram de forma direta do treinamento.

“É um ato importante no processo de combate às queimadas ilegais em nossa região, sobretudo pelo fato de ter o correto uso das técnicas e dos equipamentos durante a ação. Sem contar que, ali, todos têm a possibilidade de perceber o comportamento do fogo, do vento e da vegetação. Esse exercício é fundamental”, afirmou o tenente-coronel Erisvaldo Alves, coordenador-adjunto da Defesa Civil Estadual.

Recentemente, um grupo de militares do 22º Batalhão do Exército Brasileiro, com sede em Palmas, participaram de curso de formação de brigadista ofertado pela Defesa Civil Estadual. O evento destes dois dias serviu de complemento nos aprendizados.

O diretor de Biodiversidade e Áreas Protegidas do Naturatins, Warley Rodrigues, avaliou positivamente o empenho dos militares e a conexão entre os órgãos para o combate aos incêndios florestais.

“O efeito disso é positivo, pois além do treinamento que podemos prover para os militares, que poderão nos auxiliar nos períodos críticos, ainda fizemos um mosaico de área queimada e não queimada no Morro do Limpão, criando um bolsão que pode ser de refúgio de fauna e suporte para possíveis combates a incêndios florestais em agosto e setembro”, finalizou. Warley Rodrigues.

Fonte: Governo do Tocantins


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo