News

Presidente Jair Bolsonaro participa da entrega de espadins a novos cadetes

Compartilhar

A cerimônia marca a formação dos militares que seguem rumo ao oficialato na Força Aérea Brasileira.

OPresidente da República, Jair Bolsonaro, participou, nesta sexta-feira (9), da cerimônia militar de entrega de espadins a 205 novos cadetes da Força Aérea Brasileira (FAB), em Pirassununga (SP). O espadin é uma pequena espada, símbolo do cadete, que o acompanha até a conclusão do curso.

A entrega do espadin é um dos marcos na formação dos militares que seguem rumo ao oficialato na FAB.

“O espadin denota o simbolismo de integrar um dos mais destacados estabelecimentos de ensino de nossas Forças Armadas do Brasil, que traz consigo a responsabilidade de pertencer e de defender os valores, deveres e ética militares. A partir de agora, ao portar galardão que hoje recebem, vocês são confirmados, com legitimidade, cadetes da Aeronáutica”, afirmou o ministro da Defesa, Walter Braga Netto, aos cadetes durante a cerimônia.

“A formação militar envolve uma gama de atribuições, dedicação à rotina de estudos e atividades, e oportunidade de enriquecimento pessoal e profissional. Assim será ao longo de suas carreiras”, afirmou o ministro.

Batizada de Árion, a turma é composta por 205 cadetes, dos quais, 138 são aviadores, 42 intendentes e 22 de infantaria. Desse total, três são cadetes de Benin, Senegal e Togo, consideradas nações amigas.

Durante a entrega dos espadins pelos padrinhos dos cadetes, as aeronaves da Esquadrilha da Fumaça fizeram sobrevoos ao local. Também escreveram de fumaça no céu o nome da turma.

Formação

Para chegar a esse momento, foi preciso passar por um exame de admissão nacional com mais de uma etapa e por um estágio de adaptação militar. Os aprovados se juntaram aos alunos oriundos da Escola Preparatória de Cadetes do Ar, dando início assim às atividades na Academia da Força Aérea.

Os meses iniciais dos ingressantes foram voltados para uma intensa rotina acadêmica, de formação e doutrina militar e também pelo salto de paraquedas.

A formação na Academia da Força Aérea tem duração de quatro anos. Ao concluir o curso, os jovens recebem diplomas de bacharéis em Administração com ênfase em Administração Pública e bacharéis de acordo com o quadro escolhido: Ciências Aeronáuticas com habilitação em Aviação Militar para os aviadores, Ciências da Logística com habilitação em Intendência da Aeronáutica para os intendentes e Ciências Militares com habilitação em Infantaria da Aeronáutica para os de infantaria.

Fonte: Planalto.Gov


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo