Esportes

Seleção de boxe embarca para Tóquio após palestra inspiradora do campeão olímpico Robson Conceição

Compartilhar

Ouro no Rio 2016, pugilista transmite confiança aos atletas e pede atenção com os “encantamentos” dos Jogos Olímpicos.

A seleção brasileira de boxe se inspira no único campeão olímpico da modalidade para fazer bonito nos Jogos Olímpicos. Embarcando para Tóquio na noite deste sábado, 10, a equipe pode acompanhar na última quinta-feira uma palestra virtual com o pugilista Robson Conceição, ouro no Rio 2016 na categoria peso leve (até 60kg).

“É um privilégio muito grande estar pegando um pouco dessa experiência do Robson, ainda mais para mim, que sou da mesma cidade (Salvador) e da mesma academia dele. Vou tentar colocar em prática o que ele me passou, como os erros que cometeu, para que eu não faça o mesmo em Tóquio. Ele me passou as ‘malandragens’, no bom sentido, para que eu possa focar no meu objetivo, que é trazer a medalha para o Brasil”, diz Hebert Conceição (75kg), bronze no Mundial de 2019, na Rússia.

Robson, que foi eliminado na primeira rodada nos Jogos de Pequim 2008 e Londres 2012, antes de se consagrar no Rio de Janeiro, reforçou a importância do atleta “trocar o chip” nos dias que antecedem os Jogos. O momento é de concentração total, de priorizar os treinamentos e o descanso.

“O Robson é um exemplo para a equipe olímpica de boxe do Brasil. Estivemos juntos naquela final olímpica memorável. E ele fez uma reunião com o grupo, passando toda a experiência dele de três Jogos Olímpicos. Onde errou, quando não ganhou, e também o que acertou. Ele falou principalmente de foco, disciplina e concentração”, explica Mateus Alves, treinador da seleção brasileira.

Após ficar mais de três meses sem treinar no início da pandemia, a seleção integrou a Missão Europa, projeto idealizado pelo COB no segundo semestre de 2020, o que possibilitou a retomada das atividades dos atletas. E, desde então, conseguiu participar de treinamentos de campo e competições em três países europeus: Alemanha, Bulgária e Itália.

O sorteio das chaves olímpicas do boxe ocorre no dia 22. A expectativa é que Jucielen e Abner sejam os primeiros a subir no ringue, em 24 de julho, segundo o horário de Tóquio.

Fonte: Comitê Olímpico Brasileiro


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »