Esportes

Copa Sul-americana: Santos vence o Independiente e fica em vantagem nas oitavas de final

Eliminado ainda na fase de grupos da Libertadores, o Santos estreou na Sul-Americana na noite desta quinta-feira (15) e venceu o Independiente (ARG) por 1 a 0, na Vila Belmiro, pelo confronto de ida das oitavas de final da competição. Kaio Jorge fez o único gol da partida.

Os times voltarão a se enfrentar na próxima quinta-feira, desta vez às 19h15, em Avellaneda, em Buenos Aires (ARG). Por ter vencido por 1 a 0 no Brasil, o Santos jogará por qualquer empate para seguir no campeonato. Já o Independiente terá que vencer por dois gols de diferença ou por 1 a 0 para levar a decisão para os pênaltis.

Quem passar deste confronto enfretará Júnior Barranquilla (COL) ou Libertad (PAR) nas quartas de final. No primeiro confronto entre os times, os paraguaios venceram por 4 a 3 e ficaram em vantagem pela classificação.

O primeiro tempo na Vila Belmiro foi de domínio do Santos. O time paulista teve maior posse de bola e finalizou mais vezes ao gol do Independiente (oito vezes). Porém, o time foi pouco efetivo quando entrou na área argentina, facilitando a defesa adversária e colaborando para o empate parcial sem gols antes do intervalo.

O melhor em campo nos 45 minutos iniciais foi Kaio Jorge, que retornou ao time após três jogos. Foi dos pés do atacante que saíram algumas das principais oportunidades de gol. Aos 32, por exemplo, ele recebeu na entrada da área e chutou forte para a defesa do goleiro Sosa. Quem também tentou marcar foi Marcos Guilherme, aos 40 minutos.

Para não falar que o Independiente não chegou na área santista, o time argentino assustou aos 46 minutos, quando Silvio Romero cruzou na área para Velasco, mas o jogador não conseguiu dominar e acabou sendo bloqueado pelo goleiro João Paulo.

Diferente do primeiro tempo, o Santos voltou do intervalo sendo mais agressivo ofensivamente e quase abriu o placar aos sete minutos. Marinho fez jogada individual e a bola sobrou para Gabriel Pirani, que arriscou finalização e obrigou Sosa a defender. Aos 10 foi a vez de Kaiky cabecear e colocar o goleiro argentino para fazer ótima defesa.

Melhor em campo, Marinho quase fez um gol de placa na Vila aos 22 minutos. Moraes cruzou da esquerda e o atacante deu uma linda bicicleta, finalizando muito próximo da trave de Sosa. Porém, no minuto seguinte o gol santista. Marcos Guilherme chutou, Sosa deu rebote e Kaio Jorge, sem marcação, só completou para as redes.

Atrás no marcador, não restou alternativa ao Independiente senão sair para o ataque e buscar o empate. E ele quase veio aos 25, quando Silvio Romero puxou a marcação e tocou para Roa. O meia chutou forte e o goleiro João Paulo espalmou. Na sequência, aos 29, novamente Roa chutou e parou no arqueiro santista.

Daí em diante o Santos procurou ficar com a bola no campo de ataque e aguardou o apito final para comemorar a importante vitória na Sul-Americana.

Fonte: Federação Paulista de Futebol


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo