Mundo

Papa faltará à missa dominical, mas fará oração habitual ao meio-dia

Arcebispo celebrará cerimônia em homenagem a avós e idosos.

O papa Francisco não vai participar da missa deste domingo (25), conforme estava previsto antes da recente cirurgia feita por ele, mas, segundo o Vaticano, não há motivo para alarme e que é parte normal da convalescença.

O Vaticano informou que o papa fará a reza de domingo ao meio-dia, mas que a missa do dia em que a Igreja Católica faz homenagem aos idosos e avós será rezada pelo arcebispo Rino Fisichella.

O porta-voz do Vaticano, Matteo Bruni, disse que era parte da “convalescença normal”. A missa, que havia sido marcada meses atrás, significaria usar vestimentas e alternar entre andar, sentar e ficar em pé por cerca de duas horas.

O papa de 84 anos passou por uma cirurgia para remover parte do cólon em 4 de julho e ficou 11 dias no hospital. Ele tem passado a maior parte do tempo descansando desde que retornou ao Vaticano.

A viagem do papa à capital húngara, Budapeste, e à Eslováquia no próximo mês ainda está marcada, informou o Vaticano na quarta-feira (21), ao divulgar uma exaustiva programação de quatro dias.

F


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo