News

Número de investidores posicionados no Tesouro Direto continua crescendo significativamente

O total de investidores ativos atingiu a marca de 1.558.647 pessoas, um aumento de 34.013 em junho.

Em junho de 2021, o total de investidores ativos no Tesouro Direto, isto é, aqueles que atualmente estão com saldo em aplicações no programa, atingiu a marca de 1.558.647 pessoas, um aumento de 34.013 investidores no mês. Já o número de investidores cadastrados no programa aumentou em 501.242, crescimento de 4,56% em relação a maio de 2021, atingindo a marca de 11.495.273 pessoas. Os dados são do Balanço do Tesouro Direto divulgado nesta terça-feira (27/7). 

Operações de Investimento

No mês de junho de 2021, foram realizadas 416.922 operações de investimento em títulos do Tesouro Direto, no valor total de R$ 2,34 bilhões. Durante esse mês, os resgates foram de R$ 1,53 bilhão. Dessa forma, houve emissão líquida de R$ 807,07 milhões.

As aplicações de até R$ 1 mil representaram 66,17% das operações de investimento no mês. O valor médio por operação foi de R$ 5.617,10.

Os títulos mais demandados pelos investidores foram os títulos indexados à inflação (Tesouro IPCA+ e Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais) que somaram, em vendas, R$1,01 bilhão e corresponderam a 43,37% do total. Os títulos indexados à taxa Selic (Tesouro Selic) totalizaram R$1,00 bilhão, representando 42,84% das vendas, enquanto os títulos prefixados (Tesouro Prefixado e Tesouro Prefixado com Juros Semestrais) totalizaram R$ 323,12 milhões em vendas, ou 13,80% do total.

Nas recompras (resgates antecipados), predominaram os títulos indexados à taxa Selic, que somaram R$ 688,39 milhões (44,85%). Os títulos remunerados por índices de preços (Tesouro IPCA+, Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais e Tesouro IGPM+ com Juros Semestrais) totalizaram R$ 526,15 milhões (34,28%) e os prefixados, R$ 320,29 milhões (20,87%).

Quanto ao prazo, a maior parcela de vendas se concentrou nos títulos com vencimento entre 5 e 10 anos, representando 52,50% do total. As aplicações em títulos com vencimento acima de 10 anos alcançaram 13,61%, enquanto os títulos com vencimento de 1 a 5 anos corresponderam a 33,89% do total.

Estoque

Em junho de 2021, o estoque do Programa fechou em R$ 66,34 bilhões, um aumento de 2,06% em relação ao mês anterior (R$ 65,00 bilhões).

Os títulos remunerados por índices de preços se mantêm como os mais representativos do estoque, somando R$ 36,22 bilhões, ou 54,59% do total. Na sequência, vêm os títulos indexados à taxa Selic, totalizando R$ 16,83 bilhões (25,37%), e os títulos prefixados, que somaram R$ 13,29 bilhões, com 20,04% do total.

Quanto ao perfil de vencimento dos títulos em estoque, a parcela com vencimento em até 1 ano fechou o mês em R$ 861,87 milhões, ou 1,30% do total. A parcela vincendo de 1 a 5 anos foi de R$37,05 bilhões (55,85%) e o percentual acima de 5 anos somou R$28,43 bilhões (42,85%).

Acesse o balanço completo do Tesouro Direto

Fonte: Ministério da Economia


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!


O ensino de alta qualidade já está ao alcance de todos e em qualquer lugar. Educação de Ensino em Casa, Jardins de Infância e Escolas, com cursos educacionais pré-escolar, ensino básico, fundamental e médio, clique e comece já!

Print Friendly, PDF & Email

Joabson João

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo