News

Prazo para entrega de documentos do processo seletivo de monitores do Amapá Jovem encerra na sexta

Essa é a segunda etapa do processo seletivo promovido pelo Governo do Amapá, que, anualmente investe R$ 24 milhões no Programa.

Os 695 candidatos selecionados na primeira etapa do processo seletivo de monitores do Amapá Jovem devem entregar os documentos exigidos no edital até esta sexta-feira, 13. Caso o candidato não apresente os documentos, será eliminado do certame. Os monitores terão uma remuneração que varia, dependendo do nível, de R$ 400 a R$ 1.200.

Essa é a segunda etapa do processo seletivo, que foi lançado em julho. O envio documental pode ser feito de forma virtual ou presencial. Virtualmente, o candidato deve enviar os documentos em anexo para o e-mail: enviodedocumento@sejuv.ap.gov.br. Vale ressaltar, que no corpo do e-mail ele precisará especificar seu nome completo, CPF, município, nível de monitoria e relação de todos os documentos que estão sendo enviados em anexo, e no assunto deverá colocar a frase “entrega documental”.

O candidato se responsabilizará por envios para endereços eletrônicos errados, anexos bloqueados por senha ou mensagem em branco. Na ausência de qualquer informação acima citada, e não reparação por e-mail, o candidato será desclassificado.

Endereços presenciais

  • Macapá: Secretaria Extraordinária de Políticas Públicas para Juventude – SEJUV, localizada na avenida Glicério de Souza Figueiredo, n°2944, Jardim II, no Projeto Minha Gente. Horário: de 9h às 12h e 14h às 17h.
  • Pacuí: Escola Estadual São Joaquim do Pacuí, localizada na rua Marcos Botta, N° 476. Horário: de 8h as 12h e 14h30 às 18h.
  • Bailique: Sede do Rurap, localizada na Comunidade Vila Progresso. Horário: de 8h às 14h.
  • Santana: Super Fácil, localizado na avenida Santana (área Comercial). Horário: 8h às 13h.
  • Mazagão Novo: Escola Estadual Dom Pedro I, localizada na avenida Intendente Alfredo Pinto, nº 538. Horário: de 9h às 13h.
  • Itaubal: Escola Estadual Wilson Hill de Araújo, localizado na avenida, Prudêncio Coelho, centro. Horário: de 08h às 14h.
  • Cutias do Araguari : Escola Estadual Lourimar Simões Paes, localiza na rua Eovergio Tolosa Soares, nº 624, Centro. Horário: de 8h às 14h.
  • Porto Grande: Super Fácil, localizado na rua Rio Amazonas, N° 2149, Centro. Horário: de 8h às 14h.
  • Pedra Branca : Super Fácil, localizado na avenida D.13, centro. Horário: de 8h às 13h
  • Serra do Navio:  Super Fácil, localizado na rua BC 2 N° 210, vila Primaria. Horário: de 8h às 13h.
  • Ferreira Gomes: Escola Estadual Prof.ª Maria Iraci Tavares, localizada na rua Duque de Caxias, n° 521, centro. Horário: de 8h às 13h.
  • Tartarugalzinho: Super Fácil, localizado na avenida, Nª Sra. do Perpetuo Socorro, n°273. Horário: de 8h às 13h.
  • Pracuúba: Telecentro, localizado na rua Augusto Soares. Horário: de 08h às 14h
  • Amapá: Escola Estadual Joaquim Caetano, localizado na avenida Coaracy Nunes, n° 40, centro. Horário: de 8h às 13h.
  • Calçoene : Super Fácil, localizado na rua João Anastásio dos Santos. Horário: de 8h às 12h.
  • Oiapoque: Super Fácil, localizado na avenida Barão do Rio Branco/ térreo museu Kuahi, centro. Horário: de 8h às 13h.
  • Laranjal do Jari: Super Fácil localizado, na avenida Tancredo Neves, nº 2362. Horário: de 8h às 13h.
  • Vitória do Jari: Escola Estadual Munguba do Jarí, localizado na avenida Beira Rio, n°437. Horário: de 8h às 13h.

Após a entrega dos documentos, o resultado final deverá ocorrer até o dia 19 de agosto.

Investimento

O Programa Amapá Jovem, é uma das políticas prioritárias do Governo do Amapá, anualmente só com transferência de bolsa, é feito o repasse de 24 milhões, que beneficiam mais de 12 mil jovens em todo o Estado.

“É importante ressaltar que os jovens habilitados não deixem a entrega para a última hora. Pois só será classificado para a terceira etapa, que é a prova prática e entrevista psicossocial, quem realizar todos os processos. Não é só a bolsa, mas, a garantia que vamos levar mais qualidade de vida para nossos jovens que vivem em vulnerabilidade social, através de oficinas e aprendizados que envolvem uma logística de atividades permanentes. Todas essas ações tornam nossa juventude protagonistas de suas histórias”, frisou o secretário estadual da juventude, Pedro Filé.

Fonte: Governo do Amapá


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo