Esportes

Cruzeiro e Remo triunfam fora de casa na abertura da 19ª rodada da Série B

Equipe mineira venceu o Náutico por 1 a 0, enquanto o Leão levou a melhor diante do Confiança.

Dois jogos abriram a 19ª e última rodada do primeiro turno da Série B. No horário das 19h desta terça-feira (17), o Cruzeiro derrotou o Náutico, nos Aflitos, por 1 a 0. Enquanto, no Batistão, o Remo venceu o Confiança por 2 a 1. Confira os detalhes das partidas:

Cruzeiro bate o Náutico nos Aflitos e se afasta do Z-4

O que se viu nos Aflitos foi um primeiro tempo equilibrado e com protagonismo do sistema defensivo das duas equipes. Sem conseguir encontrar os espaços, os ataques pouco apareceram. De um lado, o Cruzeiro teve sua melhor chance aos 19, depois de cruzamento na área, Bruno José emendou o voleio, mas mandou por cima da meta. Na resposta rápida, o time da casa também criou sua principal oportunidade antes do intervalo, em finalização de Vinícius.

Depois das conversas nos vestiários, o jogo ganhou em intensidade. Antes mesmo dos cinco minutos, a equipe mineira assustou em dois lances de Dudu. Enquanto, o Timbu tentou com Camutanga, que também teve duas chances, mas parou em boas defesas do goleiro da Raposa. Na sequência, Jean Carlos arriscou para o Náutico, aos 22. E Claudinho respondeu para os visitantes. Até que, na marca dos 37, a rede enfim balançou no Recife. Depois de cobrança de falta de Eduardo Brock, o goleiro alvirrubro deu rebote e Thiago, com menos de dois minutos em campo, apareceu para garantir mais três pontos para o Cruzeiro na Série B: 1 a 0.

Com o triunfo, o Cruzeiro chegou aos 21 pontos e se afastou do Z-4. Já o Náutico amargou a quinta derrota consecutiva na competição. O Timbu segue momentaneamente na sexta posição, com 30 pontos. 

Com gol no fim, Remo vence o Confiança fora de casa

A primeira finalização no gol do jogo, foi justamente a que não deveria encontrar as redes. Aos 15 minutos, após cobrança de falta de Felipe Gedoz, Marcelinho tentou afastar o perigo, mas mandou contra a própria meta colocando o Remo na frente. Tentando o empate, o time da casa chegou mais ao ataque. E, aos 36, Luidy recebeu ótimo lançamento de Madison, invadiu a área e bateu forte para deixar tudo igual no Batistão.

Na volta do intervalo, o jogo demorou a engrenar. E as chances só foram aparecer nos minutos finais. Victor Andrade, aos 36 e aos 38, arriscou para o Leão, mas parou em duas grandes defesas de Michael. Do outro lado, o Confiança respondeu com Thiago Reis e Gustavo Ramos. Mas foi o Remo que seguiu insistindo no ataque. Rafinha e novamente Victor Andrade tentaram, mas de novo Michael salvou o time da casa. Mas, no apagar das luzes, Victor Andrade não desistiu, tentou mais uma finalização, e dessa vez acertou o cantinho da meta adversária para sacramentar a vitória remista: 2 a 1.

A vitória deixa o Remo com 26 pontos e na 11ª posição. Enquanto o Confiança é o 19º colocado, com 13 pontos.

Fonte: CBF


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo