Esportes

No Alfredo Jaconi, Juventude e Fortaleza ficam no 1 a 1 pelo Brasileirão

Marcelo Benevenuto abriu a contagem para o Tricolor no primeiro tempo, mas, já na etapa complementar, Ricardo Bueno deixou tudo igual para o time da casa.

Em duelo disputado no Alfredo Jaconi, Juventude e Fortaleza ficaram no empate em 1 a 1, na noite deste sábado (21), pela 17ª rodada do Brasileirão Assaí. Com a igualdade, a equipe gaúcha chegou aos 20 pontos e aparece na 12ª colocação. Enquanto o Tricolor ocupa a terceira posição, com 32 pontos somados. 

O jogo

O Juventude tentou se impor nos primeiros minutos de jogo. Mas foi o Fortaleza que largou na frente no Alfredo Jaconi. Aos 16 minutos, Crispim cobrou escanteio para Marcelo Benevenuto testar firme para estufar as redes. Na sequência, o Tricolor teve chances de ampliar com Felipe e Bruno Melo, mas nas duas tentativas Carné evitou o gol. Do outro lado, o time da casa tentou responder principalmente nos chutes de fora da área de Matheus Jesus. 

Depois do intervalo, o Juve melhorou e chegou ao empate, aos 25 minutos, com Ricardo Bueno, que aproveitou cruzamento de Marcos Vinicios e completou para o fundo da meta cearense. Com a igualdade no marcador, o duelo ganhou em emoção e as equipes se lançaram ao ataque. Bruninho, aos 33, teve a chance de virar o jogo para o time da casa. Enquanto Benevenuto quase marcou mais um para o Fortaleza. Na sequência, os visitantes tiveram grande oportunidade em cobrança de pênalti, que Bruno Melo não converteu. A resposta do Juventude saiu com Marcos Vinicios. Mas apesar das tentativas de ambos os lados, o 1 a 1 seguiu no marcador até o apito final.

Fonte: CBF


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo