Esportes

São Paulo abre 2 a 0, mas leva empate do Fortaleza no jogo de ida da Copa do Brasil

O São Paulo até abriu 2 a 0 no placar, mas empatou com o Fortaleza na noite desta quarta-feira (25), por 2 a 2, no Morumbi, pelo confronto de ida das quartas de final da Copa do Brasil. Rigoni fez os dois gols do time paulista, enquanto Yago Pikachu e Romarinho marcaram para os visitantes.

Os times voltam a se enfrentar no dia 15 de setembro, às 21h30, na Arena Castelão, em Fortaleza (CE). Quem vencer o confronto estará nas semifinais, enquanto um novo empate levará a decisão para as cobranças de pênalti.

O Fortaleza dominou os primeiros minutos de jogo e logo aos cinco poderia ter aberto o placar. Após falha de Léo, Wellington Paulista recebeu cruzamento e finalizou de direita no travessão do goleiro Tiago Volpi. O time cearense reclamou de toque de mão de Miranda dentro da área, mas o árbitro nada marcou.

Superada a forte marcação do Fortaleza, o São Paulo saiu mais para o jogo e aos 18 minutos criou a primeira oportunidade. Miranda lançou Rigoni, o atacante dominou e finalizou em cima do goleiro Marcelo Boeck, que mandou para escanteio. No minuto seguinte, Bruno Alves aproveitou sobra na grande área e chutou para linha de fundo.

Daí em diante o confronto ficou bastante disputado no meio-campo. As duas defesas se sobressaíram tanto por baixo quanto pelo alto. Pior para os homens de ataque, que não conseguiram render chances de gol até o apito para o intervalo.

Para o segundo tempo, os times seguiram insistindo na forte marcação do meio-campo. E naturalmente foram poucas as jogadas criadas no ataque. A mais efetiva foi acontecer apenas aos 21 minutos, quando Felipe recebeu na entrada da área e chutou colocado, quase acertando o canto de Volpi e abrindo o placar para o Fortaleza.

Mas o São Paulo respondeu dois minutos depois, e com gol. Reinaldo fez jogada individual pela esquerda e tocou para Rigoni. O argentino dominou no pé, passou pela marcação e finalizou no canto de Marcelo Boeck, abrindo o placar para o São Paulo.

O gol animou a partida, que ficou mais atrativa com os dois times no ataque. Aos 33 minutos, Liziero roubou bola no meio-campo e lançou Rigoni. Ele invadiu a área e finalizou forte, ampliando o placar no Morumbi.

Mas antes do apito final, o Fortaleza se recuperou em campo, descontou e empatou o confronto. Aos 38, Tiago Volpi saiu mal do gol e Yago Pikachu, sem marcação, só empurrou para as redes. Depois, aos 48, Romarinho recebeu cruzamento da direita e cabeceou com força, dando números finais ao confronto.

Fonte: Federação Paulista de Futebol


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo