Esportes

Vinicius Rangel vence a tradicional Vuelta a Salamanca, na Espanha

Após duas vitórias por etapas, brasileiro confirma boa fase; Igor Molina foi campeão da classificação de metas volantes.

Vinicius Rangel venceu a tradicional Volta Ciclística a Salamanca, entre os dias 5 e 7 de setembro, na Espanha e garantiu o título na 49ª edição. Ele havia conquistado duas vitórias por etapas.

A Vuelta a Salamanca, como é conhecida na Espanha, reuniu ciclistas de vários países distribuídos em 20 equipes. A competição é voltada principalmente para revelar jovens promessas do ciclismo, tendo sido vencida por grandes nomes do esporte, como o espanhol Miguel Indurain, pentacampeão do Tour de France. Atualmente é muito utilizada como vitrine para as principais equipes profissionais.

Na terceira e última etapa, disputada nesta terça, os ciclistas percorreram 170km entre Doñinos e Salamanca. Vinicius Rangel largou com a liderança geral da competição e bastava apenas terminar no grupo principal para garantir a primeira colocação geral, mas o brasileiro não escondeu a sua superioridade e ficou com a vitória da etapa após vencer o sprint do pequeno grupo de dez atletas que restaram na ponta da competição.

“Ainda não caiu a ficha, essa é a verdade. Chegamos com muita vontade de vencer, mas é uma competição com muitas equipes importantes, de alto nível, então é difícil terminar com a vitória. O trabalho que temos feito é fantástico, e tanto ontem como hoje eu me senti muito bem para brigar nas primeiras competições. A chegada era em uma pequena subida e isso contribuiu para que eu conseguisse finalizar com a primeira colocação. Estou muito feliz e mais uma vez preciso agradecer a minha equipe e todos os envolvidos nesse processo”, destacou Vinicius.

Com os resultados acumulados, Vinicius Rangel conquistou o segundo título consecutivo de voltas ciclísticas, em menos de 10 dias, mostrando estar em sua melhor fase. Em Salamanca, ele conquistou a vitória geral, sendo também campeão da classificação de regularidade e melhor atleta da classificação Sub23. Na segunda colocação geral, a 1min08s, terminou Daniel Zea (Telco.m/On Clima), da Colômbia, seguido pelo espanhol Fernando Tercero (Eolo/Kometa), a 1min40s.

O Brasil ainda comemorou a primeira colocação geral da classificação de metas volantes com Igor Molina, que terminou a primeira etapa na segunda colocação e completou a volta na 44º posição na classificação geral.

Fonte: CBC


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo