News

SP: Linha 3-Vermelha terá operação diferenciada neste domingo (12)

Trecho entre as estações Corinthians-Itaquera e Artur Alvim será atendido pelos ônibus do Paese para instalação do sistema CBTC.

Neste domingo (12), das 4h40 à 0h, as estações Corinthians-Itaquera e Artur Alvim, na Linha 3-Vermelha do Metrô, ficarão fechadas para embarque e desembarque em razão da realização de obras de melhoria na via.

Para atender os passageiros neste trecho serão disponibilizados ônibus gratuitos do sistema Paese. A partir da estação Patriarca a circulação dos trens será normal até Palmeiras-Barra Funda.

Como opção de transporte, além dos ônibus do Paese, os passageiros também terão a Linha 11-Coral da CPTM como alternativa ao trecho paralisado. Essa linha passa por Corinthians-Itaquera e permite a transferência gratuita para o Metrô nas estações Tatuapé e Brás (Linha 3-Vermelha) ou na estação Luz (Linha 1-Azul).

Essa interdição é necessária para a instalação de equipamentos do novo sistema de controle de trens (CBTC),  parte dos investimentos do Metrô para melhorar a circulação e regularidade dos trens.

Com o CBTC em operação, é possível diminuir a distância entre as composições, reduzindo o intervalo entre eles e permitindo a circulação de mais trens simultaneamente.

Para orientar os passageiros, o Metrô publicará mensagens nas redes sociais e emitirá mensagens sonoras pelo sistema de som das estações e dos trens, além de afixar cartazes nas estações.

Em caso de dúvidas, a Central de Informações do Metrô pode ser contatada diariamente entre 8h e 20h, pelo telefone 0800-770-7722.

Fonte: Governo de São Paulo


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo