News

AP: Torneio de Pesca Esportiva movimenta turismo e economia em Porto Grande

O Governo do Amapá incentiva a pesca esportiva com o mapeamento de rotas e implantação de trade turístico para receber o público.

Neste sábado, 25, aconteceu o 1º Torneio de Pesca Esportiva Rei do Rio, o evento tem incentivo do Governo do Amapá, que vê no esporte um grande potencial de atrativo turístico do estado. A programação aconteceu em Porto Grande, gerando movimento econômico local através da modalidade que tem como objetivo apenas a atividade esportiva; peixes são devolvidos à natureza.

O Governo do Amapá incentiva a pesca esportiva com o mapeamento de rotas e implantação de trade turístico para receber o público.

O torneio contemplou ganhadores em oito diferentes categorias, dentre elas canoa canadense, caiaque individual e duplo, além de canoa amazônica, o famoso casco da nossa região, modalidade criada para atrair a comunidade local a conhecer a pesca esportiva, a fim de abarcar o turismo de base comunitária. Ao todo, 45 pescadores participaram da competição.

Segundo a Secretária de Estado do Turismo, Rosa Abdon, eventos como esse movimentam também outros setores do turismo, sendo possível fomentar diversos empreendimentos através do atrativo, como hotelaria, artesanato, entre outros.

Lenita Figueira, é presidente da Associação de Artesãos do Porto Grande, tem 46 anos e é artesã desde os 15 anos. Foi ela quem confeccionou o troféu “Rei do Rio 2021”, o ganhador levou para casa a escultura de 55 cm em madeira Acácia feito artesanalmente por ela. A parceria foi uma forma de trazer a comunidade artesã local para disponibilizar seu artesanato para quem prestigiou o evento.

“Esse espaço está sendo muito importante para nós, artesãos, que podemos divulgar e visibilizar o nosso trabalho, mostrando um pouquinho do que a gente faz e temos a oportunidade de estar comercializando nossos produtos”, ressaltou Lenita.

Gerson Salomão é portograndense, tem 46 anos e mais de 30 como pescador. Foi convidado pela organização a conhecer a pesca esportiva, e, pela primeira vez ao participar de uma competição, levou o segundo lugar na categoria Caiaque Amazônico. Para ele, eventos de pesca esportiva podem ser uma oportunidade de renda extra ao receber o turista.

“É um leque de oportunidade que se abre para a comunidade de Porto Grande, principalmente para quem conhece o rio e a área de pesca. Foi importante ver a dimensão do evento com pessoas de outros estados participando, no próximo eu poderei ser guia apresentando aos competidores os melhores lugares de pesca”, ressaltou Gerson, que além de pescador também é mergulhador, e vê o tucunaré como um grande atrativo turístico do município.

A Secretaria de Turismo do Estado, como parte do plano de difusão da Pesca Esportiva no Amapá, tem se preocupado em montar um roteiro de comunidades que serão beneficiadas através do atrativo turístico, levando à população capacitações através do turismo de base comunitária, para atendimento ao turista, valorização da cultura e do meio ambiente.

Marcus Siqueira é do Rio Grande do Sul e mora no Amapá há 6 anos, já praticava pesca esportiva e desde então passou a conhecer o diferencial do esporte no estado.

“Os peixes na Amazônia são mais agressivos e isso é um grande atrativo para quem pratica a pesca esportiva. É interessante destacar o crescimento do esporte aqui, ganhando mais visibilidade, e espero que isso possa chegar a ainda mais pessoas, porque o Amapá tem um grande potencial nesse sentido”, relatou Marcus, ganhador na modalidade Caiaque Canadense.

Para o organizador do evento, William Rocha, o potencial turístico também movimenta a comunidade local numa cadeia, gerando emprego e renda.

“Hoje podemos mostrar a potência que tem a pesca esportiva no Amapá, sendo o estado mais preservado do Brasil. Temos muito a ganhar através desse tipo de turismo, de forma sustentável e ética”, concluiu. 

Fonte: Governo do Amapá


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo