News

Roraima está na Semifinal da Olimpíada de Língua Portuguesa 

Compartilhar

Os professores e estudantes das Escolas Major Alcides Rodrigues dos Santos e América Sarmento Ribeiro estão classificados para a semifinal da 7ª edição da Olimpíada Brasileira de Língua Portuguesa “Escrevendo o Futuro”.

Com um formato diferente dos anos anteriores, em função da pandemia da Covid-19, a edição 2021 premiará os melhores “Relatos de Práticas”, realizados pelos professores. O material foi produzido pelos docentes a partir do trabalho desenvolvido nas aulas com os estudantes.

“Nossos professores e estudantes se esforçaram bastante nesse período de aulas remotas. Mesmo com as dificuldades que surgiram com a pandemia, continuaram com o processo de ensino e os resultados estão surgindo. Desejamos sucesso nas próximas fases da Olimpíada”, o Governador do Estado de Roraima.

Na etapa Semifinal que inicia neste dia 13 de outubro e segue até 16 de novembro, os classificados participarão de encontros on-line para atividades pedagógicas e culturais.

Roraima contou com participação de 158 escolas, 337 professores e 533 trabalhos distribuídos entre os cinco gêneros da Olimpíada: Poema, Memórias Literárias, Crônica, Documentário e Artigo De Opinião.  Após a avaliação da Comissão Julgadora Estadual, dois professores da rede estadual pública de ensino avançaram no concurso.

Os Relatos selecionados foram produzidos pelas professoras de Língua Portuguesa Gerciene Nunes Cruz, da Escola Estadual América Sarmento Ribeiro, no gênero Documentário e pela professora Elecy Rodrigues Martins, da Escola Estadual Major Alcides Rodrigues, no gênero Artigo de Opinião.

Para Elecy é um momento gratificante. “É um reconhecimento do esforço que temos em sala de aula na prática de produção textual, especialmente no período de aulas remotas, que não temos contato direto com os alunos, o que dificulta as orientações” ressaltou a docente. 

Os Relatos classificados na categoria Artigo de Opinião, foram trabalhados nas aulas da turma do 3° ano do Ensino Médio da Escola Major Alcides. Ao longo da produção, diversos temas foram discutidos, mas dois ganharam destaque: “Aulas remotas, eis a questão!”, do estudante Marcos Wetlly Ferreira De Sousa; e “O garimpo ilegal”, da aluna Layza Rocha Araújo.

Já os Relatos classificados na categoria documentário, foram trabalhados pelos estudantes Felipe Oliveira Pereira e Josiel Pereira Rodrigues, matriculados no 1° ano do Ensino Médio da Escola América Sarmento. O tema trabalhado pelos alunos foi “O impacto da imigração venezuelana em Boa Vista”.

De acordo com Felipe, foi uma experiência desafiadora. “Me sinto feliz em ter tido o trabalho reconhecido, até por que foi não foi uma tarefa fácil, principalmente devido as aulas serem de forma remota”, destaca o estudante. 

A Olimpíada

O concurso, que tem como finalidade contribuir para a formação de professores com vistas à melhoria do ensino da leitura e escrita nas escolas públicas brasileiras, é uma iniciativa do MEC (Ministério de Educação) e Itaú Social, com coordenação técnica do Cenpec (Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária).

Entre as premiações para os vencedores estão notebooks e assinatura de periódicos para os docentes, além de certificado e leitor de livro digital para as respectivas turmas. As escolas dos vencedores receberão como prêmio acervo para biblioteca.

Para saber mais, acesse www.escrevendoofuturo.org.br.

Fonte: Governo de Roraima


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo