Esportes

“Nós demos tudo e eles foram mais rápidos”, diz Hamilton depois de perder para Verstappen

Compartilhar

Lewis Hamilton chegou agonizantemente perto de pegar o vencedor da corrida Max Verstappen no final do Grande Prêmio dos Estados Unidos e, embora ele não tenha sido capaz de arrebatar a vitória, o heptacampeão diz que não há necessidade de um inquérito doloroso no resultado na Mercedes – admitindo que a Red Bull foi simplesmente muito rápida no dia.

Depois de largar em segundo no grid, Hamilton assumiu a liderança do rival Verstappen na linha para a Curva 1. Mas o holandês retomou a liderança após o término dos pitstops, deixando Hamilton perseguir o Red Bull enquanto as voltas se aproximavam do bandeira quadriculada.

Ele acabou terminando a apenas 1,333s de Verstappen, caindo para 12 pontos atrás dele no campeonato.

“Demos tudo o que tínhamos e eles foram mais rápidos do que nós neste fim de semana, por qualquer motivo”, disse ele depois. “Não consigo identificar. Parecia que eles tinham uma traseira melhor, um pouco menos deslizante do que nós”.

E o que começou como uma corrida que Hamilton parecia destinado a vencer após sua partida elétrica, com o britânico liderando mais voltas hoje do que nas nove corridas anteriores combinadas, o atual campeão acabou vendo suas esperanças murcharem graças ao ritmo superior da Red Bull, como ele explicou.

“Sim, um grande começo e o objetivo era chegar à liderança. Finalmente tive uma boa largada – eu não fazia uma largada tão boa há muito tempo – e eu estava muito feliz com isso”, disse Hamilton, “e era apenas para me manter limpo e sair na frente e me segurar. Na hora, foi bom chegar à liderança; Eu pensei: ‘Este é o primeiro passo’, e como eu disse, eles foram muito rápidos”.

Ansioso para as próximas corridas no México e no Brasil, Hamilton disse que a Mercedes pode muito bem estar atrasada em comparação com a Red Bull – o que pode representar uma luta difícil para os Grandes Prêmios.

“Não sei o que poderíamos ter feito de forma diferente [hoje]. Terei que sentar e conversar com a equipe depois – acho que a equipe fez um ótimo trabalho hoje e foi o melhor … que fizemos. Vamos pelo menos nas próximas duas pistas, que são circuitos muito fortes para a Red Bull – então isso vai ser difícil, com certeza”, disse ele em Austin.

Fonte: Fórmula 1


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »