Esportes

Bárbara Seixas e Carol Solberg conquistam primeiro ouro no Open

Compartilhar

Na sua quarta final da temporada 2021, dupla supera Talita/Rebecca na decisão e abre vantagem na liderança do Circuito Brasileiro.

Depois de três medalhas de prata consecutivas, Bárbara Seixas e Carol Solberg (RJ) subiram ao lugar mais alto do pódio na quarta etapa Open do Circuito Brasileiro de Vôlei de Praia 2021. Na manhã deste sábado (06.11), elas superaram Talita/Rebecca por 21/16,  11/21  e  15 /11  na arena montada na Meia Praia, em Itapema, em Santa Catarina, conquistando o primeiro ouro da dupla em um torneio Open – elas já haviam vencido o Superpraia. Ágatha/Duda ganharam a medalha de bronze após superarem Andressa/Vitória.

Além da medalha e da premiação de R$ 48 mil, o título deste sábado rendeu mais 400 pontos para Bárbara e Carol no Circuito Brasileiro, chegando a 1480 no total e abrindo vantagem na liderança da disputa. Talita e Rebecca aparecem na sequência, com 1360 pontos.

A quinta e última etapa Open da temporada 2021 será em Cuiabá (MT), de 1º a 5 de dezembro. Antes, a partir de quarta-feira (10.11), elas disputam o torneio quatro estrelas do Circuito Mundial, também em Itapema.

“É muito especial, eu estou muito feliz. A gente fez essas finais, e acho que todas a gente foi melhorando um pouquinho. Acho que a gente teve paciência para ir trocando, tentar entender juntas o que estava faltando. Entendendo também o mérito dos outros times, porque dá uma frustração, é muito bom chegar na final, mas é ruim sair com esse gostinho do torneio às vezes. A gente teve muita cabeça de pensar em cada jogo, como era importante crescer ao longo do torneio, valorizando desde o primeiro dia. Essa coisa de ficar batendo na trave dá aquela coisa de “falta isso”. A gente se ajustou, todo mundo deu um pouquinho a mais essa semana”, afirma Carol Solberg.

“Das quatro etapas, a gente fez as quatro finais, e a gente queria muito esse ouro. Então a gente vai comemorar um pouquinho, com certeza, e aí a partir de amanhã a gente foca no próximo torneio. A gente tem sempre que manter nosso foco em cada jogo, o nível é sempre muito alto. A gente tem feito isso muito bem de jogar desde o primeiro jogo até o último dando 100% o tempo todo. É esse o pensamento no Mundial, enfrentar esse primeiro jogo do qualifying no nosso máximo e todos os outros jogos também. Aí, se a gente conseguir ir para a final, ganhar a medalha de ouro, vai ser uma maravilha”, disse Bárbara Seixas.

Fonte: CBV


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo