Esportes

Hamilton esclarece comentários no GP da Cidade do México sobre Perez e Bottas

Compartilhar

Lewis Hamilton recorreu às redes sociais para esclarecer os comentários feitos sobre Sergio Perez e Valtteri Bottas depois de terminar em segundo no Grande Prêmio da Cidade do México.

O britânico absorveu a pressão do herói da casa Perez para se manter em segundo lugar no Autódromo Hermanos Rodriguez e, ao tentar explicar o ritmo impressionante do Red Bull contra a Mercedes, disse à Sky: “O ritmo deles era simplesmente inacreditável e não havia nada. poderia fazer para lutar contra isso – e quando você tem Checo [Perez] em sua cola, então você sabe que o carro é rápido”.

Alguns interpretaram isso como um desdém com Perez e, na segunda-feira, Hamilton divulgou uma mensagem no Instagram para esclarecer o que estava tentando dizer.

“[Eu] só quero ter certeza de que as pessoas não leiam o que eu estava dizendo errado ontem”, disse ele. “Tenho muito respeito pelo Sergio Perez e acho que ele está fazendo um ótimo trabalho em sua nova equipe”.

“Ele melhorou muito esta temporada e sei como é difícil progredir com uma nova equipe, isso leva temp”o.

“Meu comentário foi simplesmente que seguir outro carro no México é a coisa mais difícil devido ao baixo arrasto que todos nós temos. É por isso que há muito poucas ultrapassagens. No entanto, ele foi capaz de acompanhar de perto, o que destaca o quanto mais downforce eles foram capazes de transportar. Reforce o Checo para mantê-lo limpo”.

Hamilton também abordou seus comentários sobre seu companheiro de equipe na Mercedes Valtteri Bottas, quando disse que o finlandês “deixou a porta” aberta no início da corrida, permitindo que Max Verstappen assumisse a liderança na primeira curva.

Novamente, em seu Instagram, ele escreveu: “Todos nós temos dias ruins. Vivemos e aprendemos. Ontem eu falei que o vb [Bottas] deixou a porta aberta e naturalmente as pessoas vão pular para criticar”.

“Somos uma equipe e vencemos e perdemos como equipe. Não há uma única pessoa responsável por ganhar ou perder, fazemos isso juntos, bem ou mal”.

“Você pode ser capaz de nos vencer, mas não pode nos quebrar! Para o próximo Valtteri, vamos continuar empurrando mano”.

Hamilton vai para o Brasil esta semana atrás do rival Verstappen por 19 pontos, com apenas quatro corridas – incluindo uma Sprint com três pontos adicionais em oferta – para terminar.

Fonte: Fórmula 1


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo