Saúde

Pesquisa: Chá verde na prevenção de danos causados por AVC

Compartilhar

Os acidentes vasculares cerebrais (AVCs) são caracterizados por uma alteração no fornecimento de sangue para o cérebro, podendo ser causados por isquemia ou hemorragia cerebral. A isquemia é a supressão do fornecimento de sangue para os tecidos cerebrais, causando uma queda no nível de glicose (açúcar) e oxigênio que provocam danos funcionais e estruturais. Já a hemorragia é devida à ruptura de vasos sanguíneos e extravasamento de sangue, o que desencadeia diversas respostas, tais como inflamação e morte celular, que danificam o órgão.

Os dois tipos de AVC afetam de maneiras distintas o cérebro, mas ambos trazem sequelas duradouras, tais como os déficits de memória de curto e de longo prazo, conforme observado. Uma das partes do encéfalo responsável pela aprendizagem e memória é o hipocampo. Essa região é altamente sensível ao estresse oxidativo que costuma acompanhar AVCs. Por isso, terapias com antioxidantes têm mostrado resultados positivos na recuperação do quadro pós-AVC, melhorando o desempenho da memória.

O chá-verde, derivado da planta Camellia sinensis, é barato e acessível a grande parte da população, possuindo alto conteúdo de flavonoides. O principal deles, a epigalocatequina-3-galato, possui efeito anti-inflamatório, antioxidante, anticancerígeno, antidiabético e anti-hipertensivo. Com base nessas propriedades, o Grupo de Pesquisa em Fisiologia da Universidade Federal do Pampa, liderado pela pesquisadora Pâmela Mello-Carpes, realizou uma pesquisa científica para testar os efeitos do consumo de chá-verde por um curto período na memória dos que sofreram AVC.

Os resultados do estudo forneceram evidências de que o AVC isquêmico e o hemorrágico causam prejuízos tanto na memória de curto prazo como na de longo prazo, no que diz respeito à capacidade de reconhecer objetos. Mais ainda, a pesquisa revelou que um breve tratamento com chá verde (iniciado 10 dias antes da cirurgia) foi capaz de prevenir déficits de memória relacionados ao AVC. Tal descoberta é importante, pois, como já mencionado, o chá verde é um método preventivo barato e de fácil acesso à população (foi usado um chá verde adquirido no comércio local). O chá foi capaz de evitar as sequelas cognitivas causadas pelos dois tipos de AVC (isquêmico e hemorrágico). O AVC isquêmico é um tipo de doença muito frequente que pode trazer grandes prejuízos na qualidade de vida das pessoas. Já o AVC hemorrágico, embora menos frequente, costuma trazer sequelas muito mais graves.

Pesquisador(es) Responsável(eis)

Pâmela Billig Mello-Carpes – Caroline Dalla Colletta Altermann

Instituição(ões)

Universidade Federal do Pampa (Unipampa)

Sugestões de leitura

Pesquisa de métodos não invasivos para mapear regiões do cérebro pode ser usada em cirurgias de pacientes com epilepsia

O que acontece no cérebro quando divagamos?

Castanha do brasil pode ajudar a combater a doença de Alzheimer

Fonte: https://canalciencia.ibict.br

Conheça como funciona o trabalho de uma OSCIP que resgata animais em situação de risco e abandono.

Ver também

Como estabelecer metas de estudos.

 A educação de alta qualidade já está ao alcance de todos e em qualquer lugar.


O ensino de alta qualidade já está ao alcance de todos e em qualquer lugar. Educação de Ensino em Casa, Jardins de Infância e Escolas, com cursos educacionais pré-escolar, ensino básico, fundamental e médio!

Gratuitamente, clique e comece já!

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Joice Maria Ferreira

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre as atualidades sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo