Esportes

Com grandes resultados do judô e da natação, Time Brasil chega a 15 vagas conquistadas em Santiago 2023

Compartilhar

Canoagem velocidade também garante medalha de ouro no C2 1.000m, com Evandilson Neto e Diego Nascimento.

Se judô e natação já haviam conquistado duas vagas cada para os Jogos Pan-americanos Santiago 2023 na abertura das competições em Cali, o segundo dia de Pan Júnior foi ainda melhor para estas modalidades. Juntas, elas asseguraram mais sete lugares na equipe brasileira que vai à capital chilena, deixando o país com 15 vagas confirmadas até o momento.

Porta-bandeira do Brasil na Cerimônia de Abertura de Cali 2021, Breno Correia disputará o Pan adulto pela segunda vez na carreira. Após as cinco medalhas de Lima 2019, o nadador baiano vai em busca da sexta, nos 200m livre, em Santiago 2023.

“Estou vivendo um momento muito particular, cheio de competições. Estava na Holanda há alguns dias e vim para cá, o que mostra que estou dando muita importância para o Pan Júnior. Além de ter a oportunidade de participar do Pan absoluto, essa competição serve como preparação para o Mundial de Piscina Curta, que vou disputar em alguns dias”, disse o atleta de 22 anos, do Pinheiros (SP), que fez o quinto melhor tempo pessoal na distância: 1:47.46.

Quem estará com Breno em Santiago são os seguintes atletas: os nadadores Ana Carolina Vieira (200m livre), Clarissa Rodrigues (100m borboleta) e Kayky Mota (100m borboleta); e os judocas Kayo Santos (100kg), Luana Carvalho (70kg) e Eliza Ramos (78kg).

“Venho me dedicando e me esforçando, e essa medalha é a prova de que todo o processo está valendo a pena. Ter me classificado para Santiago 2023 faz parte da realização desse sonho e quero me preparar mais do que me preparei para estar aqui”, contou Eliza, 19 anos, atleta do Flamengo (RJ).

Outros dois ouros vieram em provas que não garantem vaga em Santiago 2023: o revezamento 4x100m livre misto, também na natação, e o C2 1.000m, numa embarcação formada pelos canoístas Evandilson Neto e Diego Nascimento.

Com as 21 medalhas conquistadas neste sábado, 27, o Time Brasil chegou a 41 no total (19 ouros, 9 pratas e 13 bronzes), seguindo na liderança do quadro geral de medalhas dos Jogos Pan-americanos Júnior Cali 2021.

Confira declarações de outros campeões pan-americanos júnior neste sábado:

Evandilson Neto (canoagem velocidade – C2 1.000m)
“A prova foi um pouco difícil no começo, mas nós soubemos nos manter bem e fomos abrindo. É muito emocionante e um prazer enorme participar deste primeiro Pan Júnior”

Diego Nascimento (canoagem velocidade – C2 1000m)
“A preparação foi muito boa. Já entramos na água cientes do que tínhamos que fazer e demos o nosso melhor”

Ana Carolina Vieira (natação – 200m livre)
“O finalzinho de prova foi um pouco difícil, mas a minha meta era bater na frente. Queria agradecer a todos que me apoiam para chegar aqui e estar na minha melhor forma.”

Luana Carvalho (judô – 70kg)
“Estou muito feliz com essa conquista por serem os primeiros Jogos Pan-americanos Júnior e também por valer vaga para Santiago 2023. Foi muito difícil chegar até aqui, mas não desacreditei em nenhum momento. Segui firme com o trabalho, e toda essa dedicação valeu a pena”

Kayo Santos (judô – 100kg)
“Estou muito feliz por ter conquistado a vaga para Santiago 2023 e por ter tido a oportunidade de representar o Brasil nessa competição.”

Fonte: COB


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »