Esportes

Ouro em dose dupla para o Brasil no vôlei de praia

Compartilhar

Vic/Thainara e Rafael/Renato são campeões da primeira edição do evento, disputada na Colômbia por atletas sub-23.

Dobradinha dourada para o Brasil no vôlei de praia dos Jogos Pan Americanos Junior Cali. Neste sábado, 4, os gêmeos Renato e Rafael Andrew, no masculino, e a dupla Vic e Thainara, no feminino, levaram a bandeira brasileira ao lugar mais alto do pódio. Além da conquista, as duplas garantiram vagas para o Brasil nos Jogos Pan Americanos de Santiango 2023. 

No torneio feminino, Vic e Thainara chegaram invictas à medalha de ouro. Foram cinco vitórias em cinco jogos e o único set perdido foi na decisão, quando as brasileiras levaram a melhor sobre Gonzalez/Navas, de Porto Rico, por 2 a 1 (17/21, 26/24 e 15/13). Após a partida a sul-mato-grossense Vic destacou a união do time em quadra para superar as adversidades. 

“Foi um jogo muito dramático, as meninas de Porto Rico jogam muito bem. Mas nós seguimos unidas durante todo o tempo. Quando perdemos o primeiro set, falei para a Thainara que não tinha nada definido, não tinha acabado o jogo ainda. Então conseguimos virar essa partida juntas. Estou muito feliz com essa conquista, não consigo nem acreditar”, contou Vic.  

Thainara comentou sobre a campanha da dupla na competição. Para a atleta do Rio Grande do Norte, a dificuldade no confronto decisivo já era esperada, mas que a preparação no Centro de Desenvolvimento de Voleibol (CDV), em Saquarema (RJ), fez a diferença. 

“A partida foi digna de final mesmo, muito emocionante. A gente vinha em um ritmo muito bom desde o começo da competição, e hoje não seria diferente. Nossa vitória é muito merecida, nos preparamos muito em Saquarema, estudamos bastante as nossas adversárias. Sabíamos que não seria fácil, mas lutamos muito e conseguimos o resultado esperado. Estou muito feliz”, disse Thainara. 

Pela chave masculina o caminho de Renato e Rafael foi um pouco mais longo. Eles sofreram um revés logo na fase de grupos, justamente contra os cubanos Diaz e Reyes, adversários na final. Até a conquista do ouro, os gêmeos disputaram seis partidas com cinco triunfos. A vitória sobre a dupla cubana na decisão foi por 2 sets a 0 (21/17 e 21/15). 

Fonte: CBV


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »