Esportes

Brasil terá quatro representantes na Copa do Mundo de Florete, na França

Compartilhar

Competição, que não era realizada há quase dois anos por conta da pandemia, volta a acontecer a partir desta sexta-feira.

Uma Copa do Mundo de Florete não é realizada para a categoria Adulto desde fevereiro do ano passado, quando a cidade de Kazan, na Rússia, recebeu a última edição. Passados quase dois anos, o campeonato volta a acontecer a partir desta sexta-feira (10) em Saint-Maur – nos arredores de Paris, na França – com a presença de quatro brasileiras: Bia Bulcão, Carolina Brecheret, Mariana Pistoia e Rafaella Gomes, que disputam o torneio individual e por equipes.

A competição, que segue até o próximo domingo (12), recebeu 182 inscrições de 28 nacionalidades para as disputas individuais, além da confirmação de 20 equipes para os jogos coletivos.

Dentre as brasileiras, Bia Bulcão é o grande destaque. A atleta do Esporte Clube Pinheiros-SP venceu todas as duas etapas do Circuito Brasileiro de Florete no ano (a segunda, em Porto Alegre-RS, e a quarta, em São Paulo-SP), além do Campeonato Brasileiro, realizado na capital gaúcha em outubro. Ela acredita que o torneio vai estar bem concorrido.

“Eu acredito que vamos ter muitos participantes, depois de tanto tempo sem competição, acredito que todo mundo vai querer jogar. Espero conseguir colocar o meu melhor em prática e tocar”, disse a esgrimista.

Bia realiza estágios há três anos na Itália. Esse é um fato que a faz ter certeza de que realizará bons jogos. Além disso, a brasileira acredita que pode ser favorecida por conhecer diversas esgrimistas que estarão no campeonato.

“Acho que me preparei bem nos treinos na Itália. Eu estou conseguindo jogar bastante, então, com certeza eu vou jogar bem, até porque algumas atletas de outros países foram para lá (Itália) treinar e, com isso, eu pude vê-las. Isso pode ser uma vantagem, pois não conhecer como as adversárias jogam poderia ser um obstáculo, eu poderia ter dificuldade para me adaptar”, avaliou.

As outras representantes do Brasil também vêm de bons resultados nacionais. Mariana Pistoia, do Grêmio Náutico União-RS, conquistou uma prata no Campeonato Brasileiro e dois bronzes nas etapas do circuito nacional, enquanto Rafaella Gomes (Círculo Militar do Rio de Janeiro-RJ) faturou uma prata e um bronze nos dois torneios do Circuito Brasileiro.

O desafio de Bia e das outras brasileiras não será fácil. Quatro esgrimistas do Top 10 do ranking mundial do florete marcam presença em Saint-Maur, sendo que a atleta a ser batida é a norte-americana Lee Kiefer, número dois do mundo e medalhista de ouro na Olimpíada de Tóquio na disputa da arma. Além dela, a italiana Alice Volpi (terceira do mundo), a japonesa Yuka Ueno (sétima) e a chinesa Chen Qingyuan (décima) vão disputar a Copa do Mundo.

As competições individuais serão realizadas até o sábado, enquanto as equipes entram em ação no domingo. O compromisso do Brasil (17º no ranking por equipes) também não será simples, pois países muito fortes vão para o campeonato. Além do time da casa, a França (terceira), as brasileiras vão medir forças pelo pódio contra equipes como a Rússia (primeira), a Itália (segunda), Estados Unidos (quarta) e Japão (quinta).

Fonte: CBE


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »