Mundo

A Rússia não irá de chapéu na mão ao Ocidente, pedindo o levantamento de sanções, jura Lavrov

Compartilhar

O ministro das Relações Exteriores da Rússia especificou que a Rússia nunca pediu a ninguém que levantasse as sanções contra ela.

MOSCOU, 27 de dezembro. / TASS /. Moscou não vai se rebaixar e pedir ao Ocidente que remova suas ilegítimas sanções unilaterais, disse o ministro das Relações Exteriores, Sergey Lavrov, na segunda-feira.

“Nunca pedimos a ninguém que levantasse as sanções contra nós”, sublinhou Lavrov. “Não iremos de chapéu na mão a ninguém”, prometeu o diplomata.

A Rússia nunca pediu aos Estados Unidos que não a considerassem um inimigo, observou o chefe diplomático. A posição de Moscou sempre foi a de que a Rússia e os Estados Unidos “não têm motivos convincentes” para serem inimigos, disse Lavrov. “Não vamos persegui-los nem o fizemos. Não pedimos que essas leis [reconhecendo a Rússia como o inimigo e aplicando sanções] sejam revogadas”, acrescentou.

O “caos anti-russo” que está ocorrendo desenfreadamente no Ocidente agora é uma espécie de fator unificador para as nações ocidentais, disse o principal diplomata. A Rússia deve “simplesmente esquecer isso” e se concentrar na produção doméstica de tudo o que for necessário, observou Lavrov. “Já somos autossuficientes em alimentos”, acrescentou.

Fonte: Fonte: Ministério das Relações Exteriores da Rússia / TASS

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Paulo Fernando De Barros

Colunista e editor para a Noruega em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »