Tecnologia

Pesquisa estuda produtos a partir da Indústria 4.0

Compartilhar

Guilherme Benitez é mestre, doutor e pesquisador de pós-doutorado em Engenharia de Produção, pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Ele faz parte do Núcleo de Engenharia Organizacional, o NEO, no Programa de Pós-Graduação (PPG) em Engenharia de Produção, um PPG de excelência, com conceito 7 na CAPES, e cria produtos inteligentes, dentro do conceito de integração e conectividade.

Explique seu trabalho e os objetivos do projeto.
A minha linha de pesquisa reside em desenvolvimento de produtos a partir da Indústria 4.0. A Indústria 4.0 é a quarta revolução industrial que fala, principalmente, sobre como criar ambientes inteligentes a partir da gestão de dados, integração e conectividade de equipamentos, para que as organizações obtenham melhor performance, capacidade competitiva e de inovação.

Fale sobre a atuação do NEO.
O NEO atua em diferentes frentes de pesquisa. Por exemplo, a ‘Indústria 4.0, inovação, sustentabilidade e servitização’. Sempre buscamos colaborar com diferentes parceiros. Um dos principais pontos dessa colaboração é o que chamamos de modelo de hélice tripla, quando há o governo, academia e indústria colaborando em sinergia para o desenvolvimento de projetos. Um exemplo é a Câmara Brasileira da Indústria 4.0, iniciativa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) e Ministério da Economia (ME), com instituições governamentais, acadêmicas e da indústria, que buscam o desenvolvimento tecnológico, a partir da criação de chamadas e iniciativas para a Indústria 4.0.

Quais são os próximos passos para seu estudo?
Os próximos passos consistem em conseguirmos escalabilidade, a partir desses projetos conjuntos, e chegarmos em um nível de maturidade onde possamos ser consultores da Indústria 4.0 para qualquer agente do nosso País.

Como o seu trabalho pode contribuir para a sociedade?
Acredito que o nosso trabalho é fundamental para melhorar a qualidade de vida da nossa população, pois trabalhamos com a 4ª Revolução Industrial. Historicamente, sempre que ocorreu uma Revolução Industrial, foi um período de grandes ganhos para a sociedade, tanto na questão de novos empregos e diminuição da desigualdade social, como para maior educação e capacitação para a população.

Quando e qual a modalidade de bolsa você recebeu da CAPES?
Durante o meu período de mestrado e de doutorado recebi bolsa pelo Programa de Excelência da CAPES (Proex). Também fui beneficiado pelo Programa Institucional de Internacionalização (PrInt) para o meu período de doutoramento-sanduíche no exterior, na Universidade Politécnica de Milão, na Itália. Esses benefícios da CAPES foram fundamentaispara eu me manter em Porto Alegre e também realizar pesquisa qualificada em outro país.

Fonte:

Ver também:

Conheça como funciona o trabalho de uma OSCIP que resgata animais em situação de risco e abandono.

Como estabelecer metas de estudos.

 A educação de alta qualidade já está ao alcance de todos e em qualquer lugar.


O ensino de alta qualidade já está ao alcance de todos e em qualquer lugar. Educação de Ensino em Casa, Jardins de Infância e Escolas, com cursos educacionais pré-escolar, ensino básico, fundamental e médio!

Gratuitamente, clique e comece já!

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Joice Maria

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre as atualidades sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »