Esportes

Principais tecnologias de amortecimento para tênis

Compartilhar

Além de amortecer, as tecnologias proporcionam maciez e conforto aos pés

Seja para o dia a dia ou para a prática de esportes, os tênis precisam ser confortáveis. No segundo caso é indispensável escolher tênis com amortecimento, para diminuir o impacto na corrida ou caminhada.

Quais seriam as principais tecnologias disponíveis? São todas iguais? Se essas são suas dúvidas, siga a leitura e descubra qual é a melhor para você.

Para que serve o amortecimento do tênis

Ao se exercitar, o corpo produz impacto diretamente nos pés. Quando se usa tênis sem amortecimento esse impacto não é dividido de forma igual em todo o pé, levando a concentração do peso nas pontas e no calcanhar. 

Como resultado disso, você acaba forçando os joelhos e os tornozelos, podendo lidar com lesões e dores, principalmente se realiza atividade física diariamente. Assim, o tênis com amortecimento assume a missão de amortecer e reduzir o impacto, distribuindo o peso por todo o pé. 

Qual o resultado? Menor risco de lesões e redução das dores, ainda mais as da coluna. Sendo assim, o tênis com amortecedor é essencial na vida de quem se exercita.

7 principais tecnologias de amortecimento

Agora que você já sabe a função do amortecimento, veja quais são as principais tecnologias encontradas.

Boost

Tecnologia desenvolvida pela Adidas, usa TPU (Poliuretano Termoplástico Expandido), que se expande até formar células com pequenas bolsas de ar dentro. Por ser confortável e muito macio, os modelos com essa tecnologia não são usados apenas por atletas.

Hoje, nos looks de athleisure, os tênis com Boost estão sempre presentes e são fáceis de combinar com roupas casuais.

Air Max

É uma das tecnologias de amortecimento mais conhecidas, evolução da linha Air. O solado do tênis não usa espuma, mas contém diversas cápsulas de ar que permitem ver claramente o quanto amortecem o impacto.

Também são tidos como confortáveis e duráveis, por isso, estão sempre nas primeiras escolhas de compra.

Wave

Usada pela Mizuno, também pode ser encontrada na versão Infinit Wave. Desenvolvida para melhorar a performance nas corridas, também garante pisada mais estável.

Além disso, na parte frontal usa um EVA que se torna mais suave e se adequa ao formato dos pés. Assim, o conforto é garantido.

Fresh Foam

O foco da tecnologia está no calcanhar. Os tênis com Fresh Foam são indicados para pessoas que gostam de correr ou caminhar, mas não querem sentir o calçado nos pés.

A ideia é passar a sensação de leveza, quase como se estivesse descalço. Ao mesmo tempo, entrega maciez, conforto e absorve os impactos do exercício físico.

Gel

O gel não é uma novidade e a Asics já o utiliza desde 1986. A ideia é colocar o amortecimento nas áreas de maior impacto, como o calcanhar e a articulação próxima ao dedão do pé.

Esse reforço garante maciez, protege o pé e dá mais conforto, seja durante um exercício, como a corrida, ou ao andar.

Lunarlon

Tecnologia da Nike que conta com a espuma como principal material. É adequada para impactos mais fortes, como saltos. Reduz a tensão nos principais pontos dos pés, no caso, calcanhar e pontas.

Além disso, para quem usa o calçado, fica com a sensação de pisar em algo suave enquanto caminha.

U4icX

Desenvolvida pela Mizuno, tem como base o U4ic e envolve uma combinação de polímeros. Conforto e amortecimento são o foco do calçado, além de uma textura macia.

O objetivo é que o tênis responda mais rápido as passadas, diminuindo o impacto e o desperdício de energia. Ou seja, a corrida fica mais eficiente para o praticante.

Essas são as principais tecnologias de amortecedores presentes nos tênis. Antes de comprar o seu, analise o objetivo do calçado. Assim, é mais fácil acertar na escolha.

Print Friendly, PDF & Email

Vanessa Fagundes

Assessora responsável pelo blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.
Botão Voltar ao topo
Translate »