News

SP: Busca de dependentes por tratamento aumenta 23% na Cracolândia após intervenção

Compartilhar

Secretaria de Estado da Saúde teve um aumento nos atendimentos no Cratod e na Unidade Recomeço da rua Helvetia.

Balanço da Secretaria de Estado da Saúde aponta que a busca de dependentes químicos por tratamento aumentou 23% na região central da Nova Luz, após a intervenção policial no início da semana na praça Princesa Isabel.

O Cratod, unidade estadual que realiza acolhimentos, atendimentos e tratamento para dependentes químicos na região, tem registrado uma média de 165 pacientes por dia, contra 134 na última semana. As internações hospitalares realizadas na unidade após a triagem e observação aumentaram 10% no mesmo período. Nesta semana, foram 19 internados entre segunda e terça.

Na Unidade Recomeço da rua Helvetia, também do Governo de SP, ações de suporte aos pacientes como acolhimentos, banho e ações educativas também tiveram aumento de 20%. O equipamento recebeu uma média diária de 114 pacientes nesta semana.

A pasta estadual tem 2 mil leitos para internações em hospitais e unidades conveniadas para o atendimento a dependentes químicos. Desde 2019, a Secretaria investiu R$ 25,7 milhões em ações voltadas à assistência desta população. No Cratod neste mesmo período foram realizadas 5.965 internações.

Esse é um trabalho constante que o Governo do Estado realiza em parceria com a Prefeitura da Capital. Desde 2019, foram realizadas 6 mil internações hospitalares e 13,1 mil acolhimentos de assistência social.

Fonte: Governo de São Paulo


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »