Mundo

Viagem do papa à África em julho é adiada por problema no joelho

Compartilhar

Informação foi divulgada pelo Vaticano.

A viagem do papa Francisco à República Democrática do Congo e ao Sudão do Sul, marcada para o período de 2 a 7 de julho, foi adiada indefinidamente por causa de um problema no joelho do pontífice, de 85 anos, informou o Vaticano nesta sexta-feira (10).

Um comunicado informou que o adiamento foi decidido “com pesar”, a pedido dos médicos do papa que o tratam de ligamento rompido no joelho. A condição o forçou a usar cadeira de rodas no último mês.

A decisão foi tomada “para não comprometer os resultados da terapia que ele está fazendo para o joelho”, disse o porta-voz Matteo Bruni.

O anúncio foi feito apenas alguns dias depois que o Vaticano divulgou os nomes dos jornalistas que o acompanhariam na viagem. Os preparativos estavam em andamento nos dois países.

O Vaticano não disse se a viagem agendada para o período de 24 a 30 de julho ao Canadá também seria afetada pelo problema. 

Apesar da condição, o papa tem mantido agenda regular de audiências. Ele teve quatro audiências hoje, incluindo uma com a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen.

Fonte: Agência Brasil


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »