fbpx
News

União e prefeitura de São Paulo fazem acerto contábil sobre Campo de Marte

Compartilhar

Houve um encontro de contas que impacta o resultado primário do Governo Central em R$ 23,9 bilhões, mas sem efeito sobre o setor público consolidado e a Dívida Bruta do Governo Geral.

A União e a prefeitura de São Paulo realizaram na última quinta-feira (18) acerto contábil relacionado à posse do Campo de Marte. O acordo, no valor de R$ 23,912 bilhões, encerra uma disputa que se arrastava desde o fim da década de 1950 relacionada à posse do terreno. 

O termo de conciliação entre ambas as partes havia sido celebrado em março deste ano. Ficou definido que o valor devido pela União à prefeitura, a título de indenização, decorrente da ocupação do imóvel, seria satisfeito mediante a redução do saldo devedor da dívida do município para com a União. Houve, portanto, um encontro de contas. 

A Lei n º 14.409, de 15 de julho de 2022, permitiu o acerto contábil, ao abrir um crédito especial no Orçamento Fiscal da União de igual valor ao do acordo. 

A operação representou um pagamento pela União à prefeitura de São Paulo de um precatório, que é registrado como despesa primária pela União e uma receita primária pelo município. Em contrapartida, o município pagou sua dívida com a União, fluxo que é contabilizado como uma receita financeira pela União e uma despesa financeira pelo município.   

Como o precatório pago representa uma despesa primária da União, o acordo tem efeito sobre o resultado fiscal do Governo Central. Conforme explicado durante a apresentação do Relatório de Avaliação de Receitas e Despesas do terceiro bimestre, em julho, a previsão para o déficit primário do Governo Central neste ano, já incluindo esse impacto, é de R$ 59,4 bilhões. Se não fosse o acordo, seria de R$ 35,4 bilhões. A projeção, de todo modo, está bem aquém da meta de déficit para o ano, que é de R$ 170,4 bilhões. 

O impacto sobre o resultado primário do setor público consolidado, no entanto, é zero. Também não há impacto sobre a Dívida Bruta do Governo Geral.  

Fonte: Ministério da Economia


Seu apoio é importante, torne-se um assinante! Sua assinatura contribuirá para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio!


O ensino de alta qualidade já está ao alcance de todos e em qualquer lugar. Educação de Ensino em Casa, Jardins de Infância e Escolas, com cursos educacionais pré-escolar, ensino básico, fundamental e médio, clique e comece já!

Print Friendly, PDF & Email

Joabson João

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »