fbpx
Mundo Militar

395 cadetes recebem o espadim na Academia Militar das Agulhas Negras

Compartilhar

A Academia Militar das Agulhas Negras realizou, neste sábado, dia 20 de agosto, o tradicional Espadim. Formando a Turma Dom Pedro II, 395 cadetes do 1º ano receberam a réplica reduzida da espada de Duque de Caxias, durante solenidade no Pátio Marechal Mascarenhas de Moraes (PMMM).

A cerimônia se repete há 90 anos. Em 2022, do total de cadetes, 362 são do sexo masculino e 33 do sexo feminino, sendo 380 brasileiros e 15 de nações amigas.

Um momento histórico, em que eles trajam pela primeira vez o tradicional uniforme azulão, após passarem por etapas importantes da formação. Desde a chegada à Escola Preparatória de Cadetes do Exército, de Campinas (SP), até agora, já se passaram quase 20 meses de formação.

Pontualmente às 11 horas da manhã, horário de Brasília, eles adentraram o Pátio Marechal Mascarenhas de Moraes sob os olhares de familiares e amigos.

Marta Helena se emocionou ao acompanhar a filha Amanda Santos recebendo o seu Espadim.

“Só a gente sabe o que passamos pra chegarmos aqui. Eu sinto hoje muito orgulho dessa minha filha”, destacou a funcionária pública, que foi abraçada pela filha.

Em seguida, o Presidente da República, o Ministro da Defesa, o Comandante do Exército, General de Exército Marco Antônio Freire Gomes, o Comandante da Força Aérea Brasileira, Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos Almeida Baptista Junior, o Comandante da Academia Militar, General de Brigada João Felipe Dias Alves, demais autoridades militares e dos poderes executivo, legislativo e judiciário participaram da solenidade.

A AMAN é repleta de tradições, que são fortalecidas de geração para geração. A solenidade é marcada pela entrega da miniatura da espada de Caxias, o maior símbolo de honra para o cadete. Um marco na vida do futuro oficial, que, ao concluir o curso na Academia Militar, receberá a espada. Por falar nela, a verdadeira Espada Oficial de Duque de Caxias adentrou o Pátio, na solenidade de formatura, pela primeira vez, sendo portada por um cadete do 4º ano, Resende.

O Comandante da AMAN, General Felipe, saudou os presentes. “Familiares e amigos dos cadetes da AMAN, vocês são parte importante dessa etapa. O Espadim é um dos dias mais importantes do calendário militar. Desde a chegada de vocês na Escola Preparatória de Cadetes do Exército (EsPCEx), de Campinas, até aqui, são muitas etapas vencidas, os que lhes deu o direito da conquista dessa honraria. Somente os cadetes de Caxias têm o direito de portar o espadim e o dever de honrá-lo”, destacou o comandante da AMAN.

O primeiro cadete a receber o espadim, a miniatura fiel com 60cm de comprimento, foi o destaque da turma Dom Pedro II, Lucas Cremonese Jaeger, das mãos do Presidente da República. Oriundo de São Gabriel, Rio Grande do Sul, o representante da região sul do Brasil, sentiu-se honrado por esse marco em sua formação.

“Sinto-me muito feliz pela conquista, após já ter vencido muitos desafios, desde a chegada à EsPCeX. Devo à AMAN e à minha família essa conquista”, salientou o Cadete Jaeger.

Logo depois, foi a vez dos cadetes receberem de seus padrinhos e madrinhas o espadim.

“Estou muito feliz pelo meu espadim”, disse o Cadete de Nações Amigas Duma, da República de Camarões.

Com o símbolo de honra e altruísmo em mãos, proferiram o tradicional juramento. “Recebo o sabre de Caxias como o próprio símbolo da honra militar”.

“Jovens cadetes da turma Dom Pedro II, hoje é um dia de grande honra. A partir dessa inesquecível cerimônia, vocês serão confirmados cadetes de Caxias. Senhoras e senhores, orgulhem-se, pois esta conquista é de vocês. Ao receberem o Sabre de Caxias, suas vidas ganham um brilho especial. O Exército Brasileiro recebe o sangue novo desses destemidos jovens, que dedicaram suas vidas à carreira das armas”, discursou o Comandante do Exército, General de Exército Freire Gomes.

Ao final, os presentes entoaram a canção da AMAN.

A partir de agora, eles passam a portar essa honraria ao longo de sua formação. Em 2025, eles terão um novo encontro no pátio de formatura dos cadetes, quando farão a restituição do sabre para portarem a espada de oficial do Exército Brasileiro.

Fonte: Exército Brasileiro


Seu apoio é importante, tornando-se um assinante você está contribuindo para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio! Duna Press Jornal e Magazine, mídia livre e independente trabalhando a informação com ética e respeito ao leitor. Notícias, oportunidades e negócios, seu portal nórdico em português.

Assinatura Anual
Assinatura Anual

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »