fbpx
Esportes

Leclerc diz que título “parece difícil” após derrota no GP da Holanda para Verstappen

Compartilhar

Charles Leclerc admitiu que suas chances de ganhar o campeonato mundial estão “parecendo difíceis” depois que ele foi superado por Max Verstappen no GP da Holanda.

O piloto da Ferrari largou em segundo e enquanto mantinha contato com o favorito da casa Verstappen no primeiro stint com pneus macios, ele caiu e caiu para quarto – antes de uma parada tardia para borracha fresca ajudá-lo a pular Lewis Hamilton da Mercedes para o pódio final.

Mas com a vitória de Verstappen – sua 10ª vitória em 15 eventos nesta temporada – Leclerc agora se encontra 109 pontos atrás do piloto da Red Bull, com apenas sete corridas restantes. Verstappen poderia defender matematicamente seu título em duas corridas no Japão se os resultados saírem na próxima vez na Itália.

“A Red Bull é o carro mais rápido no momento, especialmente em ritmo de corrida”, disse Leclerc, que conquistou seu segundo pódio em 10 corridas. “Na classificação, acho que estamos muito próximos. A Mercedes parecia ter ganho um pouco de desempenho no ritmo de corrida, então (o título) parece difícil”.

O ritmo da Mercedes no pneu de composto duro – que as primeiras previsões sugeriam que seria mais de um segundo fora do ritmo – foi rápido e isso os levou a uma janela que os tornou mais rápidos que a Ferrari em desempenho puro em Zandvoort.

1420499709
Leclerc está atrás de Verstappen por 109 pontos com apenas sete corridas pela frente

Sem o carro de segurança, trazido para limpar o Alfa Romeo de Valtteri Bottas, a Ferrari teria terminado sem um carro no pódio, apesar de ter largado em segundo e terceiro no grid.

“Acho que estamos [decepcionados] como equipe”, disse Leclerc. “Nos macios, acho que fomos fortes, porque considerando que tínhamos pneus usados ​​em comparação com os pneus novos do Max, fomos relativamente rápidos”.

“Mas então no meio, por algum motivo, não me senti tão bem, e os duros também. Mas a surpresa é principalmente a Mercedes nos pneus duros, eles foram extremamente rápidos hoje. Talvez possamos aprender algo com isso”.

A próxima é Monza, a corrida final em uma rodada tripla e o evento em casa da Ferrari. Leclerc já venceu lá no passado, mas ele sabe que o circuito – conhecido como Templo da Velocidade – tem um layout que dificilmente se adequará ao F1-75.

“No papel, infelizmente não é a nossa melhor pista, mas estou ansioso para ir”, disse ele. “O desempenho no papel será um pouco mais difícil”.

Fonte: Fórmula 1


Seu apoio é importante, tornando-se um assinante você está contribuindo para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio! Duna Press Jornal e Magazine, mídia livre e independente trabalhando a informação com ética e respeito ao leitor. Notícias, oportunidades e negócios, seu portal nórdico em português.

Assinatura Anual
Assinatura Anual

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »