fbpx
Esportes

Sub-23 Segunda Divisão: Itapirense empata com o São-Carlense e retorna à Série A3 após seis anos

Compartilhar

Após seis anos, a Itapirense está de volta à Série A3 do Campeonato Paulista. O acesso foi garantido na tarde deste domingo (04) com o empate sem gols diante do São-Carlense, no estádio Coronel Francisco Vieira, pelo confronto de volta da semifinal do Sub-23 Segunda Divisão.

Por ter melhor campanha, a Itapirense chegou à semifinal com a vantagem de ter dois resultados iguais para ficar com a classificação. E foi justamente o que aconteceu, já que no duelo de ida, em Araras, os times empataram por 1 a 1.

Com a classificação, a Itapirense, além de garantir o acesso à Série A3 de 2023, também está na final do Estadual contra o Grêmio Prudente, outro time que subiu de Divisão. Em compensação, o São-Carlense, novamente ficou pelo caminho, já que no ano passado foi eliminado nas quartas de final.

A Itapirense começou a partida tendo iniciativa e buscou o primeiro gol em jogadas pelo alto. Em duas oportunidades o atacante-artilheiro Jé foi lançado, mas não conseguiu concluir. Já o São-Carlense soube se defender, saiu para o jogo aos poucos e assustou pela primeira vez aos 22 minutos, em chute forte de Bismark pela linha de fundo.

O time de Itapira teve mais qualidade com a bola nos pés e colocou o goleiro Lucas Alves para trabalhar aos 33 minutos, quando Jé recebeu na entrada da área, clareou e chutou forte. O camisa 1 do São-Carlense defendeu em dois tempos.

No segundo tempo o confronto ficou mais aberto e com chances dos dois lados. A Itapirense quase abriu o placar aos dois minutos, quando Jé passou pela marcação dentro da área e finalizou forte para boa defesa de Lucas Alves. No rebote, ninguém conseguiu completar para o gol. Mas o São-Carlense não ficou atrás e respondeu aos nove, em chute venenoso de Wilsinho e que passou muito perto da trave.

A Itapirense insistiu e mostrou que queria a vitória. Aos 15 minutos, Jé ficou com sobra dentro da área e chutou na trave do São-Carlense. Não demorou e aos 26 a Vermelhinha perdeu outra chance. Suba foi lançado, ficou cara a cara com o goleiro e errou na tentativa de finalização por cobertura.

No restante do segundo tempo, o São-Carlense se lançou ao ataque, mas não teve qualidade para tirar o zero do placar. Melhor para a Itapirense, que esperou o apito final para comemorar o acesso com seus torcedores.

Fonte: Federação Paulista de Futebol


Seu apoio é importante, tornando-se um assinante você está contribuindo para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio! Duna Press Jornal e Magazine, mídia livre e independente trabalhando a informação com ética e respeito ao leitor. Notícias, oportunidades e negócios, seu portal nórdico em português.

Assinatura Anual
Assinatura Anual

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »