fbpx
News

Guarda Civil de Macapá participa do desfile cívico do Bicentenário da Independência

Compartilhar

Cerca de 200 servidores participaram da parada cívica, realizada na avenida FAB.

Em homenagem ao Bicentenário da Independência do Brasil, celebrado nesta quarta-feira (7), a Guarda Civil Municipal de Macapá (GCMM) desfilou pela Av. FAB, diante dos poderes públicos e moradores da capital. Ao todo, 198 integrantes da guarnição participaram da parada cívica, que contou com diversos patrulhamentos, como o motorizado e a equipe do canil, com animais de faros, treinados para procedimentos de busca e apreensão.

De acordo com a comandante-geral da Guarda Civil, Joeva Reis, o retorno do desfile cívico, após dois anos, em decorrência da fase grave da pandemia da Covid-19, celebra a tradição histórica e a relevância do dia 7 de setembro para o grupamento e a população, que acompanhou tudo de perto.

“Foi uma grande comemoração para os moradores de Macapá, levando em consideração também que estamos celebrando o Bicentenário da Independência, ou seja, 200 anos de independência do Brasil sobre Portugal. A instituição veio com o objetivo de mostrar o nosso tamanho e união para servir nossos munícipes” destaca a comandante, que no ato representou o prefeito Dr. Furlan como autoridade do Município.

Fabrício dos Santos gosta de admirar o desfile cívico | Fotos: Leandro Lennon/PMM

Fabrício dos Santos acordou cedo para acompanhar o momento de relembrar a união do país pela pátria. “Esse ano, estamos comemorando os 200 anos de independência, com a volta do desfile após pandemia se tornar mais leve.  Isso é extremamente marcante para aqueles, que assim como eu, gostam de admirar o civismo do nosso país, lembrando sempre a união e patriotismo”, explica.

Este ano, o desfile teve a participação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), com viatura e 50 servidores do corpo. A parada cívica também contou com o apoio da Companhia de Trânsito e Transporte de Macapá (CTMac), no monitoramento e segurança das vias interditadas para a celebração.

A parada cívico-militar envolve Exército, Marinha, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviária Federal (PRF) e as Forças Armadas da Guiana Francesa (FAG). Houve ainda a participação inédita de alunos das escolas de gestão compartilhada militar, associações de Oficiais da Reserva do Exército, Boinas Rajadas, Bravos Heróis e a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae).

Fonte: Prefeitura de Macapá


Seu apoio é importante, tornando-se um assinante você está contribuindo para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio! Duna Press Jornal e Magazine, mídia livre e independente trabalhando a informação com ética e respeito ao leitor. Notícias, oportunidades e negócios, seu portal nórdico em português.

Assinatura Anual
Assinatura Anual

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »