fbpx
Esportes

Ricciardo diz “tudo desligado” ao revelar decepção no final do GP da Itália

Compartilhar

Daniel Ricciardo estava em oitavo lugar no Grande Prêmio da Itália deste fim de semana e parecia pronto para terminar entre os 10 primeiros desde a França. Mas um DNF no domingo significou que foi a quarta corrida consecutiva sem pontos do australiano, para sua decepção.

Ricciardo parecia em boa forma durante a maior parte do fim de semana e começou a corrida em P4 – na mesma fila do companheiro de equipe Lando Norris. Ricciardo fez uma boa largada e ficou em terceiro antes do vencedor Max Verstappen passar na volta 2.

Ricciardo então mudou do pneu médio para o duro após sua primeira passagem, deixando o australiano em P8 – depois de ser ultrapassado por Lewis Hamilton e Norris – e segurando Pierre Gasly. Mas na volta 47, a corrida de Ricciardo chegou ao fim quando ele parou ao lado da pista com um problema.

E falando após a corrida, Ricciardo explicou: “O carro desligou. Eu não sei os detalhes, mas em termos simples, tudo desligou, então eu estava em Lesmo 1, quarta marcha e imediatamente desliguei e, obviamente, engatei a marcha. Eu apenas tentei encostar no interior da pista o mais rápido que pude”.

“Mas então, quando saí do carro, até para mim encontrar uma abertura foi difícil, então fiquei surpreso por não haver uma abertura antes ou acho que passei por ela quando estava tentando sair. Então eu descobri depois que a corrida terminou com o Safety Car. Se eu pudesse ter feito qualquer outra coisa, eu teria feito, mas isso era tudo que eu podia fazer”.

Ricciardo parecia em boa forma durante grande parte do fim de semana, tendo se classificado no top 10 pela segunda vez nas últimas sete corridas – a outra vez no GP da Hungria – e o piloto da McLaren estava insatisfeito por não ter pontos para mostrar seus esforços.

“Foi bom largar na frente, bom estar na segunda fila e ter uma largada decente, obviamente estava em terceiro e eu meio que esperava que a corrida terminasse na primeira volta”, brincou Ricciardo.

“Outro pódio teria sido muito bom, mas não tinha ritmo. Eu estava lutando, eu estava tentando aguentar hoje com Gasly; ele foi definitivamente mais rápido, então fiquei feliz em segurá-lo por praticamente toda a corrida, mas gostaria que tivéssemos um pouco mais para mostrar”.

Fonte: Fórmula 1


Seu apoio é importante, tornando-se um assinante você está contribuindo para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio! Duna Press Jornal e Magazine, mídia livre e independente trabalhando a informação com ética e respeito ao leitor. Notícias, oportunidades e negócios, seu portal nórdico em português.

Assinatura Anual
Assinatura Anual

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »