fbpx
News

Natal: Professores de Inglês destacam importância da língua em uma cidade turística

Compartilhar

Pontos turísticos foram apresentados pela secretária adjunta de Turismo, Christiane Alecrim.

A formação dos professores de Língua Inglesa da Rede Municipal de Ensino aconteceu na quinta-feira (15), através do encontro online com 18 participantes na plataforma Google Meet.  A palestrante convidada da formação foi a secretária adjunta de Turismo de Natal, Christiane de Araújo Alecrim, que realizou uma apresentação das principais atrações turísticas da cidade, incluindo as praias, monumentos, parques e a cultura, destacando também os 100 anos do Palácio Felipe Camarão, sede da Prefeitura de Natal, que receberá uma homenagem especial.

Na abertura da formação, a assessora pedagógica Maria Conceição Vieira, ressaltou existir uma lei que define a obrigatoriedade do ensino da língua estrangeira nas escolas públicas, servindo de instrumento e de acesso a outras culturas e grupos sociais. “A habilidade de se comunicar por meio da língua estrangeira abre portas para o mercado de trabalho e o ensino da Língua Inglesa abre oportunidades em praticamente qualquer lugar do mundo. O inglês é uma língua praticamente universal, que quase todos os países falam e dominam a língua”, definiu.

A secretária adjunta de Turismo de Natal, Christiane Alecrim, comentou sobre a parceria das secretarias de Turismo e Educação, envolvendo as escolas. “Realizamos um trabalho desde 2017, com os formadores do 5º ano e as escolas da orla de Natal, que são oito unidades, localizadas em Ponta Negra, Areia Preta, Santos Reis e na Redinha. É um projeto chamado Educação para o Turismo, que complementa atividades em sala de aula e mostra aos estudantes como podem planejar suas vidas em relação ao turismo, já pelo local que eles moram e estudam, vivenciam muito o turismo da orla de Natal”, observou.

Apresentando os pontos turísticos de Natal, Christiane Alecrim, indicou bairros da cidade que foram pioneiros na utilização do inglês durante a Segunda Guerra Mundial, como por exemplo, a Cidade Alta e a Ribeira. “A vinda dos americanos para Natal influenciou o nosso contato com a Língua Inglesa e a cultura americana, fomos a primeira cidade do Brasil a tomar Coca-Cola, mascar chiclete, apareceu o famoso forró (For All), a maternidade foi o primeiro hospital de campanha de Natal, o Grande Hotel da Ribeira era o lugar onde se hospedavam as autoridades e a Rampa, onde partiam os aviões, teve o encontro histórico dos presidentes Getúlio Vargas e Roosevelt”, destacou.

Christiane disse ainda que houve uma mudança na história de Natal, alguns vocabulários que não faziam parte do idioma, e passaram a existir relacionado ao idioma Inglês. “Taxi, my friend, OK e uísque, essas palavras, elas começaram a circular com mais frequência devido aos americanos, e com os nativos, que começaram a pronunciar também. Inclusive, o lunch, que é o lunch? o almoço, e aí virou o nosso lanche”, explicou.

Finalizando a formação, Christiane Alecrim, indicou o site da Secretaria Municipal de Turismo para atividades didáticas e conteúdo para aulas de Inglês, onde a plataforma tem opções de vários idiomas mais usados no mundo.

Fonte: Prefeitura de Natal


Seu apoio é importante, tornando-se um assinante você está contribuindo para o crescimento do bom jornalismo e ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras. Obrigado pelo apoio! Duna Press Jornal e Magazine, mídia livre e independente trabalhando a informação com ética e respeito ao leitor. Notícias, oportunidades e negócios, seu portal nórdico em português.

Assinatura Anual
Assinatura Anual

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »