fbpx
News

Vitória recebe grupo do Mato Grosso para conhecer escolas em tempo integral

Compartilhar

Experiências de muito êxito nas cinco Escolas Municipais de Ensino Fundamental em Tempo Integral (Emef TI) de Vitória motivaram o Grupo Empresarial Mato Grosso em Evolução (Gemte) a visitar a capital para um período de intercâmbio de conhecimentos, ideias e projetos e claro, para conhecer de perto o cotidiano dos estudantes, bem como a estrutura das unidades de ensino.

Por isso, nesta sexta-feira (07), os integrantes do grupo GEMTE e do coletivo empresarial Espírito Santo em Ação fizeram uma visita técnica na Emef TI Professora Eunice Pereira Silveira, que fica em Tabuazeiro, acompanhados pela Secretária de Educação, Juliana Rohsner, da Subsecretária de Gestão Pedagógica, Luana Lemos, e da coordenadora do Tempo Integral da Secretaria Municipal de Educação (Seme), Silvana Teixeira.,

“A educação em Tempo Integral de Vitória é um grande sucesso. Em 2015 a Rede implantou 3 escolas com a ajuda do ES em Ação. Nós chegamos e vimos um trabalho muito potente nestas escolas e logo em 2021 aumentamos de 3 para 7 unidades de ensino integral. Neste ano já trabalhamos com 10 escolas nesta modalidade e em 2023 serão 16 unidades. O crescimento deste tipo de oferta faz sentido para gente, é a educação cuidando das múltiplas dimensões de cada estudante. Promover uma política pública de educação integral implica assumir compromissos com o esforço contínuo de eliminação de desigualdades que são históricas, na medida em que se orienta pela superação das barreiras para o acesso e a permanência das crianças na escola”, disse a secretária de Educação de Vitória, Juliana Rohsner .

Além disso, a secretária ressalta a importância do acolhimento e do protagonismo estudantil na educação em Tempo Integral. “Acreditamos na pedagogia da presença, do olhar, dos valores, e é isso que eles encontraram aqui hoje. A escola de tempo integral é feita por e para os estudantes. Um movimento super potente que fortalece o protagonismo estudantil”, destacou.

Protagonismo

Ao chegar na escola, as equipes foram recebidas pelos estudantes acolhedores que deram show de protagonismo estudantil sendo os responsáveis por apresentar e explicar aos convidados a dinâmica da escola, como o acolhimento ao chegar pela manhã, as refeições durante o dia, o intervalo entre as aulas, a estrutura física da unidade de ensino e os espaços pensados para serem potencializadores do processo de ensino aprendizagem, como os cantinhos da leitura, a brinquedoteca e o “students lounge”.

Fonte: Prefeitura de Vitória


Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Translate »