fbpx
Esportes

Perez desapontado por perder a vitória em casa no México após terminar em P3

Compartilhar

O favorito da casa, Sergio Perez, ficou com emoções mistas após o Grande Prêmio da Cidade do México, pois enquanto ele se divertia com um pódio “especial” em sua corrida em casa, o piloto da Red Bull lamentou um pit stop lento que prejudicou suas chances de conseguir o segundo lugar .

Perez fez uma boa largada de quarto no grid, ficando à frente de George Russell em terceiro na volta 1. No entanto, o mexicano lutou para acompanhar o ritmo de Lewis Hamilton, em segundo, já que sua equipe decidiu trocar o pneu macio aos médiuns para minar o britânico.

No entanto, um pit stop lento viu Perez sair em sexto, atrás de Charles Leclerc e Carlos Sainz. E enquanto ele conseguiu passar pela dupla da Ferrari, Hamilton manteve a posição na pista, com Perez mais uma vez lutando para passar, forçando-o a se contentar com o P3 – pelo segundo ano consecutivo no México.

“É sempre bom estar no pódio. Um pódio tão especial em frente ao Foro Sol”, disse Perez. “Obviamente, eu queria mais e estou um pouco decepcionado com o resultado, para ser honesto, porque senti que poderíamos ter terminado em segundo”.

“Foi uma oportunidade muito grande. A Mercedes estava escorregando bastante, especialmente no início, eles têm um aquecimento muito ruim, mas infelizmente tivemos uma parada ruim que nos deixou muito para trás, infelizmente”.

Perguntado se o segundo lugar estava nos cartões se não fosse o pit stop, Perez disse: “Sim, definitivamente. Sem isso eu não estaria tão longe das Ferraris porque acabei perdendo muito tempo com as Ferraris também. Apesar de tudo, não foi um grande dia para nós”.

Perez também explicou por que era “chave” para ele ficar à frente de Russell na largada, dada a dificuldade de ultrapassar Hamilton durante a corrida, antes de expressar sua decepção por não terminar entre os dois primeiros.

“Sim, com certeza”, disse Perez quando perguntado se era importante que ele ficasse à frente de Russell no início. “Dada a dificuldade das ultrapassagens hoje, acho que isso foi fundamental. Infelizmente, tivemos uma parada um pouco ruim que nos impediu de superar Lewis.

“A ultrapassagem é tão difícil que, assim que cheguei atrás dele, ficou tão difícil segui-lo, então tive que ficar em terceiro. Achei que ficaríamos um pouco mais perto, mas infelizmente não deu certo para nós. Mas ainda assim, é um bom pódio e na frente desta multidão eu realmente queria mais hoje, mas o terceiro lugar ainda é um bom dia”.

Fonte: Fórmula 1


Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
Translate »