fbpx
News

Ceasa/PR indica tendência de preços; veja o que vale a pena comprar em novembro

Compartilhar

Comercialização atacadista reflete na feiras e gôndolas dos supermercados. Além do calendário com as melhores oportunidades no mês, a Ceasa publica a cotação diária de frutas e hortaliças.

As Centrais de Abastecimento do Paraná são um ótimo termômetro dos preços e opções que chegam aos supermercados e restaurantes. Essa comercialização atacadista reflete nas feiras e gôndolas. Para explicar melhor esse movimento, a Ceasa publica a cotação diária de frutas e hortaliças disponíveis em suas cinco unidades: Curitiba, Maringá, Londrina, Cascavel e Foz do Iguaçu.

Esse calendário de comercialização apresenta as melhores oportunidades de compra de hortifrutis a cada mês. O resultado reflete a tendência de oferta dos produtos: quanto maior, menores serão os preços. Dessa forma, é possível definir o que vale a pena comprar no mês.

Em novembro, as frutas com tendência de queda de preços são tangerina do tipo murgot, melão, melancia, manga, laranja-pera e banana. Entre as hortaliças, o mês é propício para a compra de brócolis, rúcula, abobrinha, chuchu, tomate, vagem e beterraba.

Com preços mais elevados em novembro estarão figo, caqui, goiaba, kiwi, mamão formosa, maracujá, tangerina poncã, uva niagara, repolho, quiabo, inhame e aipim (mandioca). Confira o calendário completo.

Os valores são atualizados de segunda a sexta-feira. A cotação pode ser conferida AQUI.

De 1º a 28 de outubro, as unidades da Ceasa Paraná comercializaram quase 96 mil toneladas de alimentos. As vendas somaram cerca de R$ 358 milhões. Anualmente são comercializadas mais de 1,15 milhão de toneladas de itens oferecidos pelos 6.465 produtores cadastrados.

Fonte: Agência de Notícias do Paraná


Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
Translate »