fbpx
Esportes

Stroll e Vettel frustrados com a Aston Martin ficando ainda mais atrás da Alfa Romeo

Compartilhar

A Aston Martin se encontra cinco pontos atrás da Alfa Romeo na batalha pela sexta posição na classificação de construtores deste ano, depois de ser superada por seus principais rivais pelo segundo Grande Prêmio consecutivo.

Tendo completado o top 10 no México, Valtteri Bottas somou mais dois pontos à contagem da Alfa Romeo com o P9 no Brasil, onde a Aston Martin só conseguiu salvar um ponto solitário com Lance Stroll liderando o companheiro de equipe da casa, Sebastian Vettel.

Falando após a corrida, Stroll teve que lamentar seu ritmo com os pneus médios, que usou nas duas primeiras passagens, antes de uma mudança tardia para os macios desbloquear alguma velocidade extra e ajudá-lo a subir de P13 para P10 após o reinício final do Safety Car.

“Acho que o pneu médio não funcionou muito bem no primeiro stint, depois o macio… bem, mudamos um pouco o equilíbrio e, no final do macio, [estávamos] muito mais competitivos”, explicou Stroll.

“Foi bom marcar um ponto, mas é uma pena que a Alfa Romeo também tenha marcado alguns pontos – [dado que] estamos em uma luta acirrada com eles”.

Enquanto Stroll se beneficiou do Safety Car implantado para cobrir a McLaren atingida por Lando Norris, Vettel sofreu ao ficar fora com pneus mais duros do que a maioria de seus rivais e caiu do P7 para o P11 – questionando a abordagem macio-médio-médio que o levou a ir longe na passagem de abertura.

“Chegamos um pouco atrasados ​​[para nosso primeiro pit stop], perdemos posições, estávamos um pouco no trânsito – não tínhamos ar livre – então colocamos os pneus errados no final”, disse Vettel.

“[Não há] muito que poderíamos ter feito e, portanto, [nós] simplesmente caímos fora dos pontos. Acho que deveríamos ter marcado mais pontos [como equipe]. Obviamente, o Alfa nos superou, o que não era nosso objetivo”.

Vettel agora está se preparando para sua última participação na F1 no Grande Prêmio de Abu Dhabi neste fim de semana, encerrando um período de dois anos com a Aston Martin e uma carreira ilustre que inclui quatro títulos mundiais, 53 vitórias e 57 pole position.

Fonte: Fórmula 1


Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »